Hóquei em Patins

Taça de Portugal já brilha no Museu

2018-06-19

Redação Portal dos Dragðes

A equipa de hóquei em patins do FC Porto foi esta segunda-feira ao Museu FC Porto entregar a Taça de Portugal conquistada na final frente ao Valongo (3-2), após prolongamento. Jorge Nuno Pinto da Costa marcou presença na cerimónia e elogiou o desempenho da formação azul e branca ao longo da temporada 2017/18.

O FC Porto conquistou a sua 17.ª Taça de Portugal de hóquei em patins, a terceira consecutiva, reforçando o estatuto de clube com maior número de troféus na história da competição. A taça já pode ser contemplada no espaço Na Hora do Museu FC Porto.

Pinto da Costa

“Numa época em que estivemos quase a atingir os objetivos principais, esta que é a 17.ª Taça de Portugal que o FC Porto vence significa o corolário de uma época difícil mas que termina com uma vitória. Foi uma vitória importante. Com o decorrer do jogo e o resultado, só com uma crença e uma vontade muito grandes e com muita categoria é que se consegue a 36 segundos do final dar a volta à situação e garantir a vitória com todo o mérito.”

“Fiquei muito feliz. Assisti ao jogo pela televisão e confesso que dei um salto no sofá quando foi golo porque foi uma jogada fantástica, tanto no passe como na finalização. Foi uma jogada de puro e fino hóquei, que me entusiasmou. Queria dizer-vos que é um orgulho muito grande. Como disse o Jorge (Silva) quando recebi a taça, é mais uma, mas é uma que tem um significado muito especial porque representa tudo o que fizeram durante a época.”

“Tenho a certeza que vamos continuar na onda das vitórias e tenho a certeza que os que vão sair vão levar o FC Porto no coração, da mesma forma que nós os teremos a eles. Esta secção é um abastecedor permanente do Museu FC Porto.”


Guillem Cabestany
“Estar no Museu é sempre um motivo de alegria. Ainda para mais, recolhendo o fruto de todo o trabalho que se fez ao longo da época. Quando representas um clube como o FC Porto, o objetivo final é estar no Museu, com o presidente, a entregar mais um troféu. Fica a sensação de dever cumprido na Taça de Portugal. A época foi muito boa a nível de jogo, de trabalho, e acabar sem passar pelo Museu tornaria o verão bem mais triste.”

“Veremos como será a próxima época. A equipa vai lutar e vai trabalhar para estar nas decisões. Para o ano há uma importante mudança da equipa, se calhar vamos precisar alguns meses de adaptação, mas iremos trabalhar para estar aqui novamente o mais rapidamente possível.”


Jorge Silva
“É o finalizar de uma época muito dura. Conseguimos dar esta alegria ao clube, esta modalidade dá imensos troféus ao Museu e no final de uma época que nos parecia estar a fugir entre as mãos, conseguimos entregar um dos troféus mais importantes a nível nacional. Tínhamos a noção que falhar a conquista deste troféu seria muito complicado para este grupo. Fomos fortes, fomos coesos, fomos uma equipa. É um prémio pela crença que demonstrámos no prolongamento.”

“Para mim é o último título conquistado pelo meu clube, nunca esquecerei o primeiro, que foi uma Supertaça, e não me esquecerei desta Taça de Portugal.”
 

Últimas

Últimas mensagens no Fórum

Éder Militão por Raul Pinto
Hoje às 12:23 am

Itália - Serie A - 2018/2019 por jardel
Hoje às 12:16 am

Treinos por joaoalvercafcp
Hoje às 12:16 am

Champions League, 1ª J.: Schalke 04-FC Porto 1 - 1 por Carvalho4
Hoje às 12:14 am

Iker Casillas por joaoalvercafcp
Hoje às 12:14 am

UEFA Youth League 2018/19 por Pombal
Hoje às 12:10 am