Campeonato Nacional de Sub-23. Opiniões?

Como deve reagir o FC Porto perante esta possibilidade?

  • Terminar a equipa B e entrar neste campeonato

    Votos: 5 4.4%
  • Manter a equipa B e entrar neste campeonato

    Votos: 27 23.9%
  • Manter a equipa B e não entrar neste campeonato

    Votos: 81 71.7%

  • Total de eleitores
    113

André Dias

Tribuna
22 Novembro 2012
2,858
1
Tópico para abordar todo este tema.

Ao que parece, a FPF propôs:

- Duas divisões de sub-23 com 12 equipas cada (a II Divisão poderá ter mais)

- Os 6 primeiros da I Divisão disputarão o título numa segunda fase

- Taça de Portugal de sub-23

- Competição internacional de sub-23 (para os 6 primeiros classificados)

- Dois terços dos atletas formados nos clubes

- Jogos poderão ter 4 substituições, mas apenas 3 interrupções, e 12 suplentes

- Jogos aos sábados de manhã

- FPF isenta os clubes das taxas de jogos, de arbitragem ou de disciplina
 

b10nic

Tribuna Presidencial
3 Agosto 2015
6,755
1,843
Uma má notícia no geral. Vimos como nos últimos anos se conseguiu projectar tantos jovens com a integração das equipas B na segunda liga.

Para além disso a segunda liga aumentou de interesse e de visibilidade no geral.

Acho esta medida um retrocesso brutal nos quadros competitivos.
 

André Dias

Tribuna
22 Novembro 2012
2,858
1
Acho interessante para clubes que não tenham equipas B ou que as mesmas estejam no distrital. Para equipas B que estejam na segunda liga e até no Campeonato de Portugal, parece-me um retrocesso. Espero que o FC Porto não abdique da segunda liga para estar aqui.
 

Barrigana

Tribuna Presidencial
3 Novembro 2014
14,963
655
Conquistas
3
  • Setembro/17
  • Dezembro/17
  • Fevereiro/18
À partida, acho má ideia abandonar as equipas B para apostar nisto, do ponto de vista do jogador. Mas depois penso: quantos jogadores se aproveitaram para a A nestes anos em que existem as equipas B?

É um  facto que as seleções jovens têm aumentado o nível e se atribui a isso a existência das equipas B.... mas os clubes não têm de andar preocupados em alimentar melhor equipas parasitas (as seleções jovens).
 

André Dias

Tribuna
22 Novembro 2012
2,858
1
Barrigana disse:
À partida, acho má ideia abandonar as equipas B para apostar nisto, do ponto de vista do jogador. Mas depois penso: quantos jogadores se aproveitaram para a A nestes anos em que existem as equipas B?

É um  facto que as seleções jovens têm aumentado o nível e se atribui a isso a existência das equipas B.... mas os clubes não têm de andar preocupados em alimentar melhor equipas parasitas (as seleções jovens).
Estas coisas na formação demoram o seu tempo. Não podes estar à espera de logo no primeiro ou no segundo ano de equipas B colocar jogadores na A. Apesar de achar que, no nosso caso, já não colocámos mais por incompetência do clube.
 

Barrigana

Tribuna Presidencial
3 Novembro 2014
14,963
655
Conquistas
3
  • Setembro/17
  • Dezembro/17
  • Fevereiro/18
André Dias disse:
Estas coisas na formação demoram o seu tempo. Não podes estar à espera de logo no primeiro ou no segundo ano de equipas B colocar jogadores na A. Apesar de achar que, no nosso caso, já não colocámos mais por incompetência do clube.
1º ou 2º ano?!... Há quantos anos temos equipa B?
 

RXavier10

Tribuna Presidencial
25 Maio 2013
10,379
945
Se for para substituir pela equipa B que joga na Segunda Liga não concordo.

Se for para manter a equipa B e criar esta, também não estou a ver que vantagens pode ter. A grande vantagem que vejo é que podíamos apostar em mais jovens. Por exemplo, se para além da equipa B tivéssemos também a equipa sub-23, não tínhamos jogadores como o Leandro nos júniores que pouco têm jogado. Ou outros na equipa B, como o João Cardoso.
 

Pedro R.

Tribuna Presidencial
26 Julho 2015
5,511
0
27
Porto
Este campeonato é uma ideia horrível para o nosso futebol.

A aparição das equipas B trouxe uma vantagem enorme para o futebol nacional. As equipas B são um instrumento fulcral para as equipas terem os seus jovens a ganhar experiência sem sair de casa, numa liga competitiva e com bons valores.
Essa competição só faz bem aos miúdos e os resultados das seleções jovens não são alheios à criação das equipas B.

Um campeonato sub23 só traz desvantagens e já se mostrou um modelo falível (Liga Intercalar). Em Inglaterra é um campeonato sem interesse e a FA teve de criar a Premier League International Cup para dar outro tipo de ritmo a essas equipas sub23.

A culpa disto é do G merda, que quer lucrar de variadas maneiras com o desaparecimento das equipas B. Querem mais equipas pequenas a ganhar mais uns trocos e obrigar os grandes a cederem os passes de alguns jovens em definitivo a custo 0 com clausulas de recompra.

Resumidamente, com este campeonato sub23 mais as novas regras para os empréstimos, lá se vai o crescimento das nossas selecções jovens
 

killermartins

Tribuna Presidencial
23 Abril 2012
8,193
658
O que me ocorre logo para reflexão é:

Desde que as equipas B foram formadas e estão a competir na Segunda Liga, quantos títulos é que a federação já angariou?

A moldura actual permitiu que jovens com idade sub-17 tenham competido a um nível profissional..

Isto permitiu que muitos jovens de qualidade tinham chegado a grandes clubes Europeus e mesmo a render nos grandes de Portugal..

Mudar para quê?
 

Drago

Tribuna Presidencial
21 Julho 2006
11,268
425
Lisboa, 1979
O que é mais desafiador?

Jogar contra um histórico como a Académica ou com a Académica s23?



Contra o Gil Vicente ou contra o Gil Vicente s23?




Enquanto a resposta for a equipa que aparece em primeiro, não jeito nem maneira deste pseudo campeonato de sub23, ainda por cima, partido em duas séries, ser melhor que um campeonato SÉNIOR, com clubes históricos e competitivos.
 

André Dias

Tribuna
22 Novembro 2012
2,858
1
Barrigana disse:
1º ou 2º ano?!... Há quantos anos temos equipa B?
A questão é mais o que o clube quer da equipa B. Podem passar 10 anos, se o clube não lhe der importância, o problema não será do projeto.
 

RuiGaita

Bancada lateral
18 Janeiro 2018
891
0
41
Moscavide
Como não venho acrescentar nada de novo ao que foi dito, apenas digo que logicamente discordo de um campeonato sub23.
 

simao977

Tribuna Presidencial
31 Julho 2015
11,114
4,071
Conquistas
7
22
  • Pinto da Costa
  • Campeão Nacional 19/20
  • Vítor Baia
  • Deco
Como este ano, a equipa B está a ser utilizada da melhor maneira (na minha opinião), o importante é mantê-la. Portanto, nem me importo de entrar neste campeonato, desde que nesta equipa sub-23 joguem os não utilizados na B, nos sub-19 e nos sub-17.
 

Treinador de Bancada

Tribuna Presidencial
16 Março 2012
13,486
3,051
Conquistas
4
  • Dezembro/19
  • Bobby Robson
  • João Pinto
  • Lucho González
Completamente contra esta competição. Independentemente se ela implicar a saída ou não da  2ª Liga. Se implicar a saída, os nossos jovens jogadores irão ter um downgrade enorme do nível competitivo, ficando na minha perspectiva com uns primeiros anos de senior que não serão um estágio para o resto da sua carreira. Um jogador cresce na adversidade, no desafio, e não jogando contra jogadores que como ele estão a aprender e em que muitos casos têm muito menos talento.

Se ficarmos na 2ª Liga obrigará a plantéis e contratos de trabalho muito extensos, abrindo a porta a negociatas manhosas com empresários, ou a uma estrutura muito pesada com a correspondente carga salarial elevada. Nenhuma das situações é benéfica para o FCP no meu ponto de vista.
 

Fil

Tribuna
30 Maio 2016
4,776
529
Conquistas
1
  • José Maria Pedroto
É possivel manter a equipa B na II Liga, e participar simultaneamente no campeonato sub-23?

Será permitida essa flexibilidade? Ou os regulamentos exigirão que ter-se-à de optar por uma das duas?

O @Treinador de Bancada focou um ponto importante, que é o de, no caso de participarmos em ambas as competições, poder haver muitos jogadores sob contrato, levando obviamente a um acréscimo substancial da folha salarial, o que é evidentemente indesejável, e que pode conduzir a situações pouco claras, situações essas que já foram praticadas no passado, e pelas quais estamos a pagar muito caro presentemente.

Mas se as coisas pudessem ser operadas como disse o @simao977 até seria uma situação proveitosa.

Resta saber os moldes de tudo isto, para dar um veredicto final.

Falando no plano mais geral, do futebol português, acho mau haver clubes a desistir da II liga, porque é lá que os jogadores evoluem mais, sem duvida. Competindo com os mais velhos, ganham mais experiência, além de crescerem e amadurecerem mais rapidamente. Todos lucram com isso. Os clubes, os jogadores, e as selecções nacionais. Parece-me tão óbvio, que custa-me a entender como é que de repente deixa-se de apostar nas equipas B e na II Liga, e passa-se para o campeonato sub-23.

Completamente estapafúrdio.

Há aqui uma jogada qualquer que eu não estou a ver qual é.
 

Treinador de Bancada

Tribuna Presidencial
16 Março 2012
13,486
3,051
Conquistas
4
  • Dezembro/19
  • Bobby Robson
  • João Pinto
  • Lucho González
Fil disse:
É possivel manter a equipa B na II Liga, e participar simultaneamente no campeonato sub-23?

Será permitida essa flexibilidade? Ou os regulamentos exigirão que ter-se-à de optar por uma das duas?

O @Treinador de Bancada focou um ponto importante, que é o de, no caso de participarmos em ambas as competições, poder haver muitos jogadores sob contrato, levando obviamente a um acréscimo substancial da folha salarial, o que é evidentemente indesejável, e que pode conduzir a situações pouco claras, situações essas que já foram praticadas no passado, e pelas quais estamos a pagar muito caro presentemente.

Mas se as coisas pudessem ser operadas como disse o @simao977 até seria uma situação proveitosa.

Resta saber os moldes de tudo isto, para dar um veredicto final.

Falando no plano mais geral, do futebol português, acho mau haver clubes a desistir da II liga, porque é lá que os jogadores evoluem mais, sem duvida. Competindo com os mais velhos, ganham mais experiência, além de crescerem e amadurecerem mais rapidamente. Todos lucram com isso. Os clubes, os jogadores, e as selecções nacionais. Parece-me tão óbvio, que custa-me a entender como é que de repente deixa-se de apostar nas equipas B e na II Liga, e passa-se para o campeonato sub-23.

Completamente estapafúrdio.

Há aqui uma jogada qualquer que eu não estou a ver qual é.
As competições não são mutuamente exclusivas o que a juntar ao campeonato sub 19 leva claramente a plantéis caros e sobrelotados. Para mim sair da 2ª Liga é um erro gritante de quem não aprendeu com o passado. Alguém saiu potenciado ou valorizado pela Liga Intercalar? Eu quero que os nossos míudos aprendam a jogar em campos pequenos pesados, com adversários que jogam no erro, simulam lesões com ou sem toupeiras e que sabem jogar com os momentos e ritmo de jogo. Fará com que cheguem ao nível seguinte com os anticorpos para o que daí vem.
 

Fil

Tribuna
30 Maio 2016
4,776
529
Conquistas
1
  • José Maria Pedroto
Treinador de Bancada disse:
As competições não são mutuamente exclusivas o que a juntar ao campeonato sub 19 leva claramente a plantéis caros e sobrelotados. Para mim sair da 2ª Liga é um erro gritante de quem não aprendeu com o passado. Alguém saiu potenciado ou valorizado pela Liga Intercalar? Eu quero que os nossos míudos aprendam a jogar em campos pequenos pesados, com adversários que jogam no erro, simulam lesões com ou sem toupeiras e que sabem jogar com os momentos e ritmo de jogo. Fará com que cheguem ao nível seguinte com os anticorpos para o que daí vem.
É essa a minha visão também.

Mas se podemos participar na II Liga e no campeonato sub-23, não achas que podemos agir da forma que o simao777 sugeriu?

Na equipa de sub-23 jogariam jogadores da equipa B, + sub-19 + sub-17. Isto não é exequível?

Sei que pode haver a tentação para entrar por outros caminhos, mas a seguir aquele que apontei no parágrafo anterior, não me parece que saiamos prejudicados. Pelo menos à primeira vista.