Liga Portugal Bwin 2021/2022

ryback

Tribuna Presidencial
27 Fevereiro 2008
12,932
3,192
38
Sta. Maria da Feira

Edgar Siska

Tribuna Presidencial
9 Julho 2016
15,623
24,496
Conquistas
3
37
Ao pé da praia
  • Maio/21
  • Campeão Nacional 19/20
  • Taça de Portugal 19/20
Acho que não faz sentido repetir o jogo.
Por essa ordem de ideia sempre que o Porto estiver a perder que se lesionem 4 jogadores ao minuto 90.
Ficamos com 7 e o jogo termina antes do tempo.
Mas a realização do mesmo também não faz sentido, nem toda a vergonha que sucedeu.
A questão é se aqui queremos seguir coisas à risca mas ficar na imoralidade, ou fazer uma exceção e contribuir para a verdade.
 

fjpfcp

Tribuna Presidencial
26 Março 2012
10,231
16,288
Conquistas
4
  • Sérgio Conceição
  • Pinto da Costa
  • Deco
  • Hulk
Acho que não faz sentido repetir o jogo.
Por essa ordem de ideia sempre que o Porto estiver a perder que se lesionem 4 jogadores ao minuto 90.
Ficamos com 7 e o jogo termina antes do tempo.
Na minha opinião o que nao fez mesmo sentido foi o jogo começar

A partir dessa aberração, qualquer coisa que reponha a verdade desportiva e bem vinda

E nao vejo outra forma de acabar com esta palhaçada senao a repetição do jogo
 

fjpfcp

Tribuna Presidencial
26 Março 2012
10,231
16,288
Conquistas
4
  • Sérgio Conceição
  • Pinto da Costa
  • Deco
  • Hulk
as toupeiras sao aquele violador que se defende dizendo que so violou porque foi obrigado

Pois, mas azarinho, tiveram todas as chances de nao violar, violaram porque quiseram.
 

Ruben1893

Ninguém fala em perder, ninguém recua
24 Julho 2019
39,360
75,832
Conquistas
33
  • Reinaldo Teles
  • Alfredo Quintana
  • Fevereiro/21
Digam aos manos da liga que queria saber a data dos jogos com o Braga e com os lampiões

Há quem tenha que marcar testes covid seus cornos
 

otilious

Moderator
21 Março 2007
65,482
9,171
Conquistas
7
Horta
  • Alfredo Quintana
  • Campeão Nacional 19/20
  • Taça de Portugal 19/20
  • Supertaça 19/20
Foi um fim de semana onde a grande nota destaque foi a vergonha passada no Jamor.

Mas fugindo um pouco desse tema e de forma muito sucinta:


Moreirense a ser feliz ao somar um ponto na última jogada do desafio (livre exemplarmente executado pelo Steven Vitória). Primeira parte o Gil ligeiramente melhor, mas tanta uma como outra equipa sem criar situações de finalização.
No segundo tempo, um pontapé de penalty colocou o Moreirense na frente, mas o Gil respondeu muito bem e deu a volta. Quando o triunfo parecia ser certo, sucedeu o empate, com o Gil a ser penalizado, já que globalmente foi melhor.
Foi o último jogo do João Henriques, uma vez que foi despedido.


No Famalicão-Portimonense, o nosso Nakajima foi importante na vitória. Os números são bastante exagerados, mas também veio penalizar as dificuldades que o Famalicão teve em ataque organizado e ao contrário do que vem sendo habitual, houve dificuldades para criar muitas situações de perigo no último terço contrário.
Mérito também para a forma como o Portimonense esteve nos comportamentos sem bola. Equipa bem organizada e depois inteligente no momento da recuperação


Arouca-Boavista, grande estreia do Antony Alves com a camisola do Arouca, marcando o golo numa fase onde provavelmente já ninguém acreditaria, uma vez que naquela altura o empate parecia ser o resultado final.
Boavista fez boa segunda parte, mas os primeiros 45 minutos foram para esquecer. Erros atrás de erros, sobretudo no seu sector defensivo - aquela dupla Nathan e Porozo demorou a afinar...


Quanto ao Marítimo-Paços de Ferreira, boa estreia na Liga para o Vasco Seabra. Apesar da vitória, claramente ainda há muito a trabalhar. No geral não foi de todo um jogo com muita qualidade ao nível técnico, sendo muito jogado a meio-campo.
A quebra da monotonia surgiu logo no início da segunda parte com o golo do Joel. Aí o Marítimo foi procurando controlar a vantagem e do outro lado o Paços foi tentando chegar à área contrária, faltando maior critério na definição.
O tento apontado pelo Beltrame veio terminar com qualquer aspiração pacense.


Por fim, bom jogo entre o Estoril-Santa Clara. Não digo isto pelos quatro golos, mas exatamente pela qualidade existente no jogo sobretudo na primeira parte, na qual, tivemos duas equipas a lutar pela vitória - apesar do Santa ter recuado um pouco as suas linhas nos dois momentos em que esteve na frente do marcador.
Com o regresso do Mikel ao centro da defesa, veio ajudar a alguma estabilidade ao sector defensivo açoriano. Os três pontos acabaram por fugir, após penalidade cometida pelo Morita.
 
  • Like
Reações: Nonnenmacher