O zé do boné na luz

killuminati_

Tribuna Presidencial
18 Julho 2006
8,696
23
Um FC do Porto visto por ...
Há muitos, muitos anos e fruto de razões que agora não interessam para esta conversa, os jogadores do FC Porto tinham algum receio de ir jogar ao estádio da Luz. Numa semana em que o Porto tinha de vir jogar contra o Benfica, o maior treinador português de todos os tempos, José Maria Pedroto, resumiu a situação que, na sua opinião, levava a que o Benfica fosse muitas vezes campeão: no estádio desse clube lisboeta havia sempre “erros” de arbitragem e eram tão flagrantes que o Zé do Boné lhes chamou “roubos de catedral”.
Estava montado o banzé. O jornal A Bola, fez daquele desabafos escândalo nacional colocando-as na primeira página. Apelos foram feitos para que o povo benfiquista exibe-se o seu descontentamento e revolta perante tão “escandalosas” afirmações. Reza a lenda que o Presidente do FC Porto, Américo de Sá, preocupado com a mais que provável má recepção aos jogadores e sabendo da tremideira que dava a alguns, chamou o chefe de departamento de futebol, Pinto da Costa, e o Pedroto para ver como é que se havia de lidar com a situação. Aí mesmo o treinador disse-lhe para não se preocupar que quando a equipa saísse para o jogo só se iriam ouvir meia dúzia de assobios.Chegou o dia do jogo.
A Luz rebentava pelas costuras: cento e vinte mil lampiões em fúria esperavam o aquecimento dos azuis e brancos. Deu-se a táctica mais cedo que o habitual e quando os jogadores, meio assustados com aquele clima, se preparavam para subir ao relvado o Pedroto chama o Freitas e diz-lhe: “ó Rapaz, vais sozinho aquecer. Pões-te de frente para o Terceiro Anel e passas o tempo a mostrar-lhes os dedos do meio e bem apontados para os gajos. Ouvis-te?”O Freitas, negro de Angola, ficou branco como a cal. É que apesar de ser um daqueles centrais que vêm o espaço entre os pés e o pescoço uma canela só, era um rapaz tímido e meio medroso. Mas o respeitinho é muito bonito e o grande José Maria não era, propriamente, um treinador dialogante. Benzeu-se, despediu-se dos colegas e lá foi o bom do Freitas.
A Luz esteve para desabar. De cada vez que o jogador do Porto levantava o braço havia síncopes entre os adeptos do Benfica. Os assobios eram tantos que os otorrinos alfacinhas não tiveram mãos a medir durante um mês. A pobre da mãe do Freitas, em Cabinda, foi tão insultada que teria que durar 4000 anos para ter feito um milésimo das coisas de que a lampionagem a acusava. Passados vinte minutos entrou o resto da equipa. Nessa altura já a turba estava tão cansada que já não houve grandes reacções: Meia dúzia de assobios afónicos e uns insultos sussurrados.O Freitas ficou praticamente surdo mas a equipa portou-se bem.
... Pedro Marques Lopes para o Futebolartte

----------

não é nada de especial mas gostei muito de ler esta história.
o mourinho fez uma coisa do género na luz também, mas foi ele a sair 1º ao relvado.
 

sirmister

Tribuna Presidencial
21 Março 2008
46,505
5,884
Conquistas
1
  • Abril/19
lol muito bom.

á uns tempos li uma do genero, tambem no estadio da luz mas dessa vez passou-se com o joão pinto, mas já não me recordo bem.
 
F

fcporto87

Guest
Eheheh, excelente, grande táctica...FDP slbêêê, FDP slbêêê!!!
 

Jorgito

Arquibancada
18 Julho 2006
167
1
Ermesinde, 1984
> DidaDiogoDog Comentou:

> Excelente. À Porto!

Gostava era de saber o resultado do jogo...


Pelo decorrer da história, o jogo desenrolou-se em Janeiro de 1978.

SLBorrachões 0 - Futebol Clube do PORTO 0
 
T

Timofte 2-3

Guest
Exacto em que o Pedroto, a falar com o J. Pinto, antes do jogo, diz \"Estes assobios todos que estás a ouvir não são para ti, são para mim...\"
 

patitu

Bancada central
1 Junho 2007
1,371
22
Viana do Castelo
Tirem-me esta duvida.
Esse Freitas tem um filho que jogou nas segundas divisoes? ele era trinco e jogou no vianense e lembro.me que diziam que era filho do Freitas que jogou no Porto.

Pois esse Freitas(filho) era ca um jogador na posicao dele nao me lembro de melhor naquelas epocas. Era trinco.

o filho é esse que aparece nessa ficha tecnica.
http://www.freipedro.pt/tb/040698/desp1.htm
 

Jorgito

Arquibancada
18 Julho 2006
167
1
Ermesinde, 1984
> adriano cabral Comentou:

> Essa historia parece-me imprecisa. Essa de um só jogador se submeter aos improperios é improprio deum Valente José Maria Pedroto.
Quem deve ter entrado no Estádio primeiro devem ter sido Pedroto e PC.
Além do estadio não ter capacidade para 120mil pessoas, em 1978 nós ainda não eramos assim tão odiados.
Isso poderia ter acontecido na decada de 80, mas... as relações com o Presidente eram excelentes.


Claro, estava apenas a guiar-me pelo conteudo da mesma, visto que foi antes desse slb x FCP que Pedroto lançou a frase que faria história no futebol português.

Quanto ao não sermos odiados... bem, isso era porque ainda nos olhavam para uma equipa de segunda ou de terceira categoria. Mas o que é certo é que foi a partir desse slb x FCP que o campeonato de 1977/78 teve uma viragem decisiva.
 

jsm

Tribuna
29 Abril 2007
3,318
4
O velho Freitas foi um belíssimo central começou no Belenenses e fez uma grande carreira no Porto tendo sido o campeão da grande viragem 19 anos depois. Foi com ele, com o Oliveira, o Rodolfo, o Simões, o Seninho, o Fonseca, o Teixeira, o Gomes, o Costa, o Murça, o Gabriel, o Duda e muitos que começamos a caminhada impresionante que fez de nós aquilo que hoje somos!Claro que nunca esquecerei os gigantes dos anos 20, 30, 40, 50 e 60 que tanto deram ao nosso querido clube!
 

Paul Ashworth

Bancada central
23 Maio 2007
1,163
509
> sdvaladares Comentou:

> O que é feito do Freitas? Lembro que em 1998/1999, era treinador dos infantis. Treinava um tal... Ivanildo.

____________________________________________

O Freitas é um dos monitores dos cursos de treinador da AF Porto e está ligado à prospecção do FCP (como disse o Bruno e muito bem).