Prova de Abertura Região de Aveiro - Troféu Liberty Seguros

S

sinal

Guest
Prova de Abertura Região de Aveiro - Troféu Liberty Seguros

Percurso
Anadia - Ovar, 160,8 Kms
Partida: Praça do Município, Anadia - 12h10

Subidas categorizadas:
Prémio Montanha 2ª Cat. - Talhadas (14h20)
Prémio Montanha 2ª Cat. - Sever do Vouga (14h35)

Chegada: Av. Da Régua, Ovar - 15h55




Acompanhar em:
#W52FCPortoMestredaCor #W52 #FCPorto #MestredaCor #GPAbertura

A nossa equipa:
Ricardo Mestre
Daniel Freitas
Juan Perez Martin
João Rodrigues
Jacobo Ucha
Tiago Ferreira

Lista de inscritos

Efapel
Daniel Mestre
Rafael Silva
Henrique Casimiro
Sérgio Paulinho
António Barbio
Bruno Silva
Jesus del Pino
Mateo Garcia Castañeda
Álvaro Trueba

Equipo Bolivia
Egoitz Garcia
Omar Mendoza Cardona
Bacilio Ramos Ticona
Gilber Zurita Ferrufino
Ivan Martinez Jimenez
Sergio Rodriguez Reche
Nuno Meireles
Carlos Jimenez Lozano
Pedro Gregori Martinez

LA Aluminios | Metalusa Blackjack
Edgar Pinto
João Matias
César Fonte
Luís Afonso
Hugo Sancho
Zulmiro Magalhães
Antonio Angulo
Samuel Blanco

Louletano / Hospital de Loulé
Pedro Paulinho
Nuno Almeida
Luís Mendonça
Hélder Ferreira
André Evangelista
Sandro Pinto
Rui Rodrigues
Vicente Garcia de Mateos
David de la Fuente
Cristian Cañada

RP / Boavista
Rui Sousa
Domingos Gonçalves
João Benta
Luís Gomes
Filipe Cardoso
David Rodrigues
Victor Etxebarria
Pablo Guerrero
Daniel Sanchez

Sporting / Tavira
David Livramento
Luís Fernandes
Jóni Brandão
Frederico Figueiredo
Fábio Silvestre
Oscar Brea
Mario Gonzalez
Jesus Ezquerra
Alejandro Marque
Shaun-Nick Bester

A.C.D.C. - Trofa
Daniel Silva
Daniel Marcos
Rúben Veloso
Márcio Barbosa
Hélder Machado
Isaac Pereira
Rui Silva
Rui Ferreira
Pedro Martins
Filipe Santos
Fernando Faria

Aluminios Cortizo - Anova
Aser Cividanes
Samuel Gil
Mario Arranz
Marc Jorge
Alejandro Valle
Paulo Silva
Hugo Vaz
Eduardo García
Alexandre Roo
Carlos Lojo
Ivan Bellón
Javier Gómez

Jorbi - Team José Maria Nicolau
Sandro Branco
Nuno Marques
Micael Vitorino
Fábio Leaça
André Ramalho
André Cunha
Bernardo Gonçalves
Cláudio Sousa
João Ribeiro
Jorge Marques
José Arroyo

Liberty Seguros / Carglass
César Martingil
Filipe Rocha
Gaspar Gonçalves
Rafael Lourenço
Miguel Duarte
Venceslau Fernandes
José Fernandes
Luís Pereira

Maia
João Fernandes
Helder Silva
António Costa
Patrick Videira
António Monteiro
Bruno Rodrigues
Diogo Duarte
João Barbosa
João Rocha
José Silva
Pierre Tartié

Miranda - Mortágua
Fábio Mansilhas
Francisco Campos
Gonçalo Carvalho
Hugo Nunes
Iúri Leitão
João Antunes
Jorge Magalhães
Sebastião Ramos
Xavier Silva
Luís Cunha

Moreira Congelados/Feira/Bicicleta Andrade
Pedro Braga
Pedro Poeira
João Leite
João Santos
Jorge Alves
Edgar Fonte
Diogo Ferreira
André Santos
Fábio Silva

Sicasal/Constantinos/Delta Cafés
Marcelo Salvador
Tiago Antunes
Gonçalo Leaça
João Outeiro
Marvin Scheulen
Rafael Apolinário
Emanuel Duarte
Diogo Tavares
Paulo Silva
Miguel Santos
Carlos Esteves
Bruno Araújo

Us Montauban
Guillaume Almeida

Selecção Portuguesa
Miguel Pereira
Ivo Oliveira
Rui Oliveira
Tiago Ferreira
André Cardoso
 

Pipo21

Bancada central
12 Dezembro 2013
1,833
6
33
Lausanne
Juan Perez Martin e/ou Daniel Freitas como possíveis "flexas" da nossa parte para o dia de hoje.
Veremos ;)
 

Pipo21

Bancada central
12 Dezembro 2013
1,833
6
33
Lausanne
Terminou agora, porque a efapel mostrou um directo... mas infezlizmente desligaram antes do rádio volta divulgar quem ficou com a vitória.
 

Pipo21

Bancada central
12 Dezembro 2013
1,833
6
33
Lausanne
Francisco Campos é o primeiro vencedor do ano

O sub-23 Francisco Campos (Miranda-Mortágua) ganhou hoje, em Ovar, a Prova de Abertura – Região de Aveiro, uma corrida de 160,8 quilómetros, que se iniciou em Anadia.

As primeiras pedaladas da época foram dadas a alta velocidade, terminando com um empolgante sprint, numa reta de meta com quase dois quilómetros. Francisco Campos foi o primeiro classificado, ao fim de 3h53m25s de corrida (média de 41,334 km/h). O segundo classificado foi outro sub-23, César Martingil (Liberty Seguros/Carglass). O primeiro elite foi Fábio Silvestre (Sporting-Tavira), na terceira posição.

“Esta chegada a Ovar é um sprint muito longo, que acaba por tornar-se uma espécie de lotaria. É preciso estar bem, ter força, mas também encontrar a roda certa. Os principais adversários expuseram-se ao vento muito cedo e eu aproveitei, arrancando a 150 metros”, explica Francisco Campos.

O corredor penafidelense, que completou 19 anos há menos de quatro meses, afirmou ter no diretor desportivo o mestre ideal para as funções de velocista. “O Pedro Silva é um grande treinador, ele também foi sprinter. Tem-me ajudado muito e eu tenho aprendido imenso com ele”, confessa Francisco Campos.

Antes da previsível chegada em pelotão compacto, a corrida teve três animadores. Mario González (Sporting-Tavira), Xuban Errazkin (RP-Boavista) e Tiago Ferreira (Seleção Nacional/Liberty Seguros). O trio abalou do pelotão com cerca de 20 quilómetros percorridos, chegou a ter 2m50s de vantagem sobre o pelotão, mas acabou por ceder à perseguição movida pela Equipa Bolivia, durante a fase inicial, e pela Efapel, a partir das duas montanhas.

Mario González aproveitou para conquistar a camisola de melhor trepador e, na companhia de Tiago Ferreira, acabou absorvido pelo pelotão, após a descida da montanha de Sever do Vouga, a pouco mais de 50 quilómetros da meta. O basco Xuban Errazkin foi mais persistente e apenas terminou o esforço solitário a 10 quilómetros do final.

Uma das surpresas da competição foi a presença, ao serviço da Seleção Nacional/Liberty Seguros, do campeão mundial de maratona BTT, Tiago Ferreira, que já não competia em estrada desde o Campeonato Nacional de fundo de 2013. “Em breve serei pai e não me convém ir competir para o estrangeiro, mas preciso de correr para ganhar ritmo. Surgiu esta oportunidade e aproveitei. Entrar na fuga acabou por ser uma questão de defesa. Se fizesse as descidas no meio do pelotão, o mais certo era ficar pregado”, admite o viseense.

Além dos três primeiros da corrida, subiram ao pódio o melhor trepador, Mário González, e a RP-Boavista, vencedora da classificação coletiva.

A Prova de Abertura – Região de Aveiro foi a primeira das três competições pontuáveis para o Troféu Liberty Seguros. Seguem-se a Clássica da Arrábida, 5 de março, e a Clássica Aldeias do Xisto, 12 de março.

Classificação
Anadia – Ovar, 160,8 km
1.º Francisco Campos (Miranda-Mortágua), 3h53m25s (Média: 42,334 km/h)
2.º César Martingil (Liberty Seguros/Carglass), mt
3.º Fábio Silvestre (Sporting-Tavira), mt
4.º Egoitz García (Equipo Bolivia), mt
5.º Ivo Oliveira (Seleção Nacional/Liberty Seguros), mt
6.º Luís Mendonça (Louletano-Hospital de Loulé), mt
7.º Daniel Sánchez (RP-Boavista), mt
8.º Rafael Silva (Efapel), mt
9.º Luís Gomes (RP-Boavista), mt
10.º André Crispim (Liberty Seguros/Carglass), mt

In federação portuguesa de ciclismo
 

Pipo21

Bancada central
12 Dezembro 2013
1,833
6
33
Lausanne
Prova de Abertura Região de Aveiro - Troféu Liberty Seguros

A prova foi ganha por Francisco Campos da equipa Miranda - Mortágua, o primeiro atleta a passar a meta foi Juan Ignacio Perez Martin - Ciclista com o mesmo tempo que o vencedor.

Classificações Finais
11º Juan Ignacio Perez Martin - Ciclista mt
28º Ricardo Mestre mt
32º Jacobo Ucha mt
56º Tiago Ferreira mt
60º João Rodrigues mt
116º Daniel Freitas +18:36s

Por equipas ficamos no 7º lugar

#W52FCPortoMestredaCor #W52 #FCPorto #MestredaCor #GPAbertura

In Facebook (w52fcporto)
 

Pipo21

Bancada central
12 Dezembro 2013
1,833
6
33
Lausanne
Pipo21 disse:
Prova de Abertura Região de Aveiro - Troféu Liberty Seguros

A prova foi ganha por Francisco Campos da equipa Miranda - Mortágua, o primeiro atleta a passar a meta foi Juan Ignacio Perez Martin - Ciclista com o mesmo tempo que o vencedor.

Classificações Finais
11º Juan Ignacio Perez Martin - Ciclista mt
28º Ricardo Mestre mt
32º Jacobo Ucha mt
56º Tiago Ferreira mt
60º João Rodrigues mt
116º Daniel Freitas +18:36s

Por equipas ficamos no 7º lugar

#W52FCPortoMestredaCor #W52 #FCPorto #MestredaCor #GPAbertura

In Facebook (w52fcporto)
As classificações provisórias dava 6º por equipas. Mas entre 6º e o 7º anunciado pela equipa é irrelevante.

Discreta a primeira prova em solo português.
Venha a próxima...
 

Pipo21

Bancada central
12 Dezembro 2013
1,833
6
33
Lausanne
Pipo21 disse:
As classificações provisórias dava 6º por equipas. Mas entre 6º e o 7º anunciado pela equipa é irrelevante.

Discreta a primeira prova em solo português.
Venha a próxima...
Confirma-se o 7º por equipas.
 

K92

Tribuna
4 Junho 2014
3,066
185
A única equipa portuguesa a conseguir estar presente em duas corridas em simultâneo.
Gostava que fossem mais a poder fazê-lo, seria bom sinal para o pelotão português!