Taça de Portugal 2018/2019

Estado
Não está aberto para novas respostas.

Morais

Tribuna Presidencial
4 Maio 2017
14,357
532
53
Porto
A Federação Portuguesa de Futebol anunciou os valores a serem distribuídos pelos clubes esta temporada.

A Federação Portuguesa de Futebol revelou, esta segunda-feira, que os prémios monetários que serão atribuídos aos clubes participantes na edição 2018/2019 da Taça de Portugal vai atingir os quatro milhões de euros.

TAÇA DE PORTUGAL
Relativamente à edição anterior, regista-se um aumento de meio milhão de euros nas compensações financeiras entregues aos clubes, havendo, por exemplo, um acréscimo de 50 por cento na primeira eliminatória.

O vencedor da final vai receber 300 mil euros, um valor que acresce aos valores acumulados no caminho até ao Jamor. O finalista vencido encaixa 150 mil euros pela presença na festa do Jamor.

Prémios atribuídos pela presença em cada eliminatória:
1.ª eliminatória - 3 000 euros (2 000 euros na época passada)
2.ª eliminatória - 4 000 euros (3 000 euros na época passada)
3.ª eliminatória - 5 000 euros (4 000 euros na época passada)
4.ª eliminatória - 6 000 euros (5 000 euros na época passada)
5.ª eliminatória - 9 000 euros (7,5 000 euros na época passada)
6.ª eliminatória - 12 000 euros (10 000 euros na época passada)
7.ª eliminatória - 17 500 euros (15 000 euros na época passada)

Verbas de transmissão televisiva:
3.ª eliminatória - 50 mil euros
4.ª eliminatória - 75 mil euros
5.ª eliminatória - 100 mil euros
6.ª eliminatória - 125 mil euros
7.ª eliminatória - 150 mil euros
Final - 300 mil euros


 

Morais

Tribuna Presidencial
4 Maio 2017
14,357
532
53
Porto
Estava vendo os resultados dos jogos de ontem da Taça de Portugal e fiquei algo confuso.Reparei que existe um Chaves Satélite que joga no CNS e inclusivé utiliza o mesmo emblema e  outros simbolos alusivos ao clube.
Bem pelo que vejo as equipas B não podem participar na Taça de Portugal mas os clubes satélites podem (desconhecia que estes poderiam ter a mesma denominação do clube que lhe dá origem).
Alguém poderia explicar melhor essas diferenças entre equipas B e um clube satélite?
 

PortoMDL

Tribuna Presidencial
31 Outubro 2014
27,388
115
Morais disse:
Estava vendo os resultados dos jogos de ontem da Taça de Portugal e fiquei algo confuso.Reparei que existe um Chaves Satélite que joga no CNS e inclusivé utiliza o mesmo emblema e  outros simbolos alusivos ao clube.
Bem pelo que vejo as equipas B não podem participar na Taça de Portugal mas os clubes satélites podem (desconhecia que estes poderiam ter a mesma denominação do clube que lhe dá origem).
Alguém poderia explicar melhor essas diferenças entre equipas B e um clube satélite?
Tens aqui: https://www.bas.pt/comunicacao/regime-dos-clubes-satelite/

Agora, se não pode estar na mesma divisão não entendo como pode disputar a Taça de Portugal.
 

RXavier10

Tribuna Presidencial
25 Maio 2013
10,077
459
Queria destacar a vitória do Beira-Mar (2-4) em casa de uma equipa de um escalão superior (CNS) e que seria à partida favorita para passar à eliminatória seguinte. Ao intervalo já venciam por 0-4.
 

PortoMDL

Tribuna Presidencial
31 Outubro 2014
27,388
115
RXavier10 disse:
Queria destacar a vitória do Beira-Mar (2-4) em casa de uma equipa de um escalão superior (CNS) e que seria à partida favorita para passar à eliminatória seguinte. Ao intervalo já venciam por 0-4.
Muita pena ter “acabado”. Digo o mesmo para o Salgueiros.
 

Paulo Sérgio

Bancada central
5 Janeiro 2017
1,832
283
RXavier10 disse:
Queria destacar a vitória do Beira-Mar (2-4) em casa de uma equipa de um escalão superior (CNS) e que seria à partida favorita para passar à eliminatória seguinte. Ao intervalo já venciam por 0-4.
E não foi 5 ou 6 devido a alguma ineficácia.
 

avr1922

Tribuna
20 Outubro 2017
4,030
20
O Beira-Mar está a apostar muito forte na subida. Foram buscar gajos que ainda há pouco tempo andavam na 1ª e 2ª Liga, um avançado brasileiro colocado por empresários que parece ser muito bom. Hoje trouxeram um avançado que jogava no Chipre.


 

Morais

Tribuna Presidencial
4 Maio 2017
14,357
532
53
Porto
PortoMDL disse:
Tens aqui: https://www.bas.pt/comunicacao/regime-dos-clubes-satelite/

Agora, se não pode estar na mesma divisão não entendo como pode disputar a Taça de Portugal.
Isso até entendi ,na verdade não alcançei é o facto de qual a diferença de um clube criar um clube satélite e não criar uma equipa B.O que as distingue?
O regulamento diz isto:

CAPITULO  IV



111  CLUBES  SATÉLITES



111.01  Os Clubes que disputam os Campeonatos da I e II Liga podem estabelecer acordo de patrocínio com Clubes já existentes, mas de divisão inferior, filiados na mesma Associação Distrital.



111.02  Da mesma forma podem os mesmos Clubes, e em iguais termos, criar Clube Satélite próprio, o qual usará denominação diferente.

Este tipo de Clube Satélite, filial de um já existente e no gozo dos seus direitos e personalidade jurídica, usufruirá, para todos os fins e efeitos legais, dos mesmos direitos e personalidades jurídica. No caso de por qualquer motivo, cessar o acordo de patrocínio e apenas para a hipótese de Clubes Satélites criados de novo, este Clube extingue-se automaticamente.



111.03  O Clube patrocinado, nos termos dos artigos anteriores, em relação ao Clube patrocinador, denominar-se-á Clube Satélite.



111.04  A nenhum Clube será permitido estabelecer mais de um acordo de patrocínio.



111.05  O acordo de patrocínio terá de ser participado até 31 de Maio do ano que antecede a época respectiva.



111.06  O acordo é formalizado por escrito e assinado pelos presidentes e secretários dos Clubes interessados, cujo processo deve dar entrada na FPF por intermédio da Associação Distrital competente.



111.07  O acordo de patrocínio tem a duração na mesma estabelecida, devendo sempre respeitar a um mínimo de duas épocas, e entender-se-á tacitamente prorrogado por idêntico período de tempo se, 30 dias antes do seu termo, nenhuma das partes o denunciar.



111.08  O vínculo de patrocínio jamais poderá ser denunciado durante o decorrer da época e antes do termo fixado no acordo.



111.09  Os Clubes patrocinados não podem ter a mesma denominação dos Clubes patrocinadores.



111.10  Os Clubes patrocinados não podem patrocinar quaisquer outros.



111.11  A situação desportiva dos Clubes patrocinados subordinar-se-á sempre à do seu patrocinador. Em caso de descida do Clube patrocinador à divisão do Clube patrocinado, este será coagido a descer à divisão do Clube patrocinado, este será coagido a descer à divisão imediatamente inferior. Igualmente, não poderá integrar-se o Clube patrocinado na categoria do patrocinador, e ainda que aquele obtenha a subida de divisão, pelo que nesta hipótese tal direito caberá ao Clube imediatamente melhor classificado.



111.12  Nas competições por eliminatórias é permitida a intervenção conjunta de equipas do Clube patrocinador e patrocinado, devendo-se, contudo, evitar até onde for possível que esses Clubes joguem entre si.



111.13  Nas competições por pontos, os Clubes patrocinadores podem fazer alinhar jogadores profissionais com 21 anos de idade, ou menos, e três jogadores com idade superior a essa, inscritos nos Clubes patrocinados por cedência dos patrocinadores, sem necessidade de troca de licença. Tais jogadores podem voltar a intervir nos patrocinados durante o decorrer da mesma temporada.



111.14  Idêntico direito lhes é consentido nas competições por eliminatórias, salvo se estiver em causa jogo ou jogos entre o patrocinado e o patrocinador, caso em que o segundo não poderá utilizar nenhum jogador do primeiro.



111.15  Para fixação do limite de idade, os jogadores de 21 anos, a que se refere o Artº 111.13, deverão ter completado aquela idade antes de 1 de Janeiro.



111.16  Os jogadores que actuem em dez jogos de temporada no Clube patrocinador não podem retornar ao Clube patrocinado até ao termo da mesma temporada.



111.17  Quanto à utilização de estrangeiros deverá ser observado o que se encontra determinado no Artº 104.04 do R.P.O. da FPF.



111.18  O acordo de patrocinidade não pode servir de instrumento para iludir disposições regulamentares nem para qualquer finalidade distinta de que especificamente se consagra no mesmo acordo. Todo o facto eventual daquela natureza é considerado como uma interpretação de fraude às disposições reguladoras de patrocinidade e por isso será nulo.



111.19  Se o Clube patrocinador e o Clube patrocinado utilizarem o mesmo terreno de jogo, poderá ser autorizado o adiamento por 24 horas do jogo ou jogos do Campeonato Nacional em que intervenha o Clube patrocinado, salvo se tais jogos se incluírem nas três últimas jornadas da competição.



111.20  Os jogadores do Clube patrocinado que incorram em sanção disciplinar cumprem o tempo de impedimento em conformidade com o Regulamento Disciplinar.



111.21  Em todos os casos omissos recorrer-se-á aos Regulamentos Gerais que sejam adaptáveis ás situações concretas que possam ser levantadas. Em última instância, as decisões serão da competência da Direcção da FPF nos termos estatutários.
 

Morais

Tribuna Presidencial
4 Maio 2017
14,357
532
53
Porto
RXavier10 disse:
Queria destacar a vitória do Beira-Mar (2-4) em casa de uma equipa de um escalão superior (CNS) e que seria à partida favorita para passar à eliminatória seguinte. Ao intervalo já venciam por 0-4.
O Beira-Mar é um clube que considero de primeira liga e faz falta como outros clubes que andam noutras divisões.
 

Morais

Tribuna Presidencial
4 Maio 2017
14,357
532
53
Porto
PortoMDL disse:
Tens aqui: https://www.bas.pt/comunicacao/regime-dos-clubes-satelite/

Agora, se não pode estar na mesma divisão não entendo como pode disputar a Taça de Portugal.
n

Eu penso ter descoberto algo que as diferencia.No clube satélite só diz que os jogadores devem ter menos de 21 anos mas não limita a que sejam da formação como nas B onde um certo número tem de ser e depois podem ter 3 jogadores acima dessa idade penso que como nas B.
Outra coisa que diferencia é que se o jogador jogar 10 jogos pelo satélite não pode jogar no clube patrocinador.
Talvez por esses 2 motivos entre outros que ainda não vi o clube satélite possa jogar competições a eliminar.
Interessante este assunto.
 

Martinovic

Tribuna Presidencial
9 Março 2012
15,151
13
Matosinhos
Quer a entrada do chaves B.
Quer a repescagem de varias equipas que perderam na 1a eliminatória tornam esta eliminatória numa pequena anedota.
 

PortoMDL

Tribuna Presidencial
31 Outubro 2014
27,388
115
Martinovic disse:
Quer a entrada do chaves B.
Quer a repescagem de varias equipas que perderam na 1a eliminatória tornam esta eliminatória numa pequena anedota.
Não é Chaves b, é Chaves satélite. creio que para o ano esta situação deve ser precavida...

Tem aqui a explicação: https://bancada.pt/futebol/artigo/gd-chaves-tem-duas-equipas-na-taca-de-portugal-a-principal-e-a-satelite
 

Martinovic

Tribuna Presidencial
9 Março 2012
15,151
13
Matosinhos
PortoMDL disse:
Não é Chaves b, é Chaves satélite. creio que para o ano esta situação deve ser precavida...

Tem aqui a explicação: https://bancada.pt/futebol/artigo/gd-chaves-tem-duas-equipas-na-taca-de-portugal-a-principal-e-a-satelite
A equipa aparece no calendario como chaves B.e claro com o mesmo símbolo.
 

Paulo Sérgio

Bancada central
5 Janeiro 2017
1,832
283
PortoMDL disse:
Não é Chaves b, é Chaves satélite. creio que para o ano esta situação deve ser precavida...

Tem aqui a explicação: https://bancada.pt/futebol/artigo/gd-chaves-tem-duas-equipas-na-taca-de-portugal-a-principal-e-a-satelite
Na distrital dava jeito ser equipa B após a subida ao cns já deu mais jeito ser equipa satélite...
As repescagens e a entrada do chaves b são tiros na credibilidade da competição.
 
Estado
Não está aberto para novas respostas.