Autor Tópico: Campeonatos Distritais de Futebol  (Lida 58987 vezes)

Offline Devenish

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 12.396
  • Desde: Out 2006
O FC Marco curiosamente já teve 2 emblemas diferentes durante a existência, um vermelho e branco como o AD Marco09 e outro em tudo igual azul e branco - cronológicamente vermelho e branco, azul e branco e outra vez vermelho e branco.

Offline madjer87

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 11.816
  • Desde: Jul 2006
Fernando,

Ontem disseram-me que subiam duas equipas mas que pouca gente ainda desconhece.Não sei

Sei é que o Foz vai subir e acho (nunca fui ver)que tem uma grande equipa.

Eu como tu sabes só vejo os Iniciados....

Offline otilious

  • Moderador
  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 52.887
  • Desde: Mar 2007
Amigo Devenish fico muito feliz por teres lançado este tópico e só lamento ter sido apenas no final da época e assim na próxima época havemos de lançar no início.

Eu por acaso já tinha pensado nisso, no entanto a participação podia não ser a desejável e por isso não arrisquei, no entanto já vejo que afinal temos vários foristas que acompanham o percurso do clube da sua terra e acho isso louvável, até porque o futebol distrital merece igualmente acompanhamento.

Sobre a questão que colocas...já falei um pouco no tópico da Série Açores, mas não aprofundei a questão devido ao tópico ser destinado à III Divisão.

Sendo assim...nos Açores temos três associações, a AF Ponta Delada, AF Angra e a AF Horta, que é a minha associação e na qual está presente o meu Fayal Sport Club, o Decano dos clubes açorianos e que completou no dia 2 de Fevereiro...101 anos de existência.

Na AF Ponta de Delgada temos oito equipas participantes, sendo realizado o campeonato a duas fases. Na primeira fase no sistema de todos contra todos...os quatro primeiros classificados disputam a segunda fase de acesso à subida, com as equipas a irem para esta fase final com os mesmos pontos alcançados na primeira fase, havendo ainda um segundo grupo de quatro equipas, que simplesmente serve para cumprir calendário.

O vencedor do campeonato foi o Sporting Ideal, que assim volvidos seis anos regressa à III Divisão. Sem dúvida foi a equipa que investiu mais na subida, reforçando-se com vários jogadores que na época anterior estavam na Série Açores como o Bruno Sousa, Vitinha, Bolinhas, Romicha ou o Bento Freitas e acabaram por ser uns justos vencedores e veremos como irá decorrer a sua participação no campeonato. O actual plantel dá garantias de ser possível a manutenção na próxima época na III Divisão, contudo convém reforçar com mais 3 ou 4 jogadores com qualidade, mas tendo em conta que os principais jogadores transitam para a nova temporada.

Das equipas que estiveram presentes no campeonato, apenas o Águia dos Arrifes, Mira Mar e o Marítimo de Ponta Delgada (bem como o Sp. Ideal) já militaram na Série Açores, enquanto o Vitória do Pico da Pedra, Nordestino, Vale Formoso e Bota Fogo ainda não se estrear nessa competição.

Quanto à AF Angra...é dividida em três ilhas (São Jorge, Graciosa e Terceira). Temos o campeonato da Terceira com seis equipas (Vlianovense, Marítimo de Belém, Fontinhas, Juventude Lajense, Marítimos de São Mateus e Boavista da Ribeirinha), onde o vencedor como também se previa foi o Vilanovense, uma equipa que desceu no ano passado para os distritais, mantendo praticamente o núcleo duro que esteve na Série Açores e por isso era de esperar que fossem grandes candidatos a lutar pela primeira posição e praticamente só tiveram concorrência do Marítimos de São Mateus.
No campeonato da Terceira dessas seis equipas, apenas o Marítimo de Belém e o Fontinhas nunca estiveram na III Divisão.

Em São Jorge, já conheceu momentos altos no futebol local, com o Beira, Desportivo Velense e Marítimo Velense já terem estado presentes na Série Açores, no entanto após a descida (sendo que o Beira e o Marítimo desceram no ano seguinte à subida) os clubes atravessaram grandes dificuldades financeiras e inclusive o Beira já nem tem futebol sénior, sendo que o campeonato foi composto apenas pelo Desportivo, Marítimo, Urzelinense e Calheta, numa prova disputada apenas a duas voltas e teve como vencedor o Desportivo Velenense (somou por vitórias todos os jogos realizados).

Na Graciosa, o Marítimo foi a única equipa da ilha a chegar aos nacionais, onde após a descida veio pagar a factura de tanto investimento (fizeram uma equipa praticamente toda profissional e até no ano em que desceram chegaram a meio da época dispensar 14 jogadores e contratar 16 jogadores!) e actualmente já nem futebol sénior o Marítimo tem. É a tal coisa...a Série Açores é muito boa, mas por vezes cria vícios que os clubes no futuro pagam bastante caro.
O campeonato foi composto por apenas três equipas (Graciosa FC, Guadalupe e Luzense), tendo como vencedor o Graciosa FC, num campeonato bastante equilibrado (as três equipas equivaliam-se uma à outra), na qual o título foi decidido na última jornada.

Para apurar então o representante da AF Angra à Série Açores, nesta altura realiza-se o apuramento ao campeão, com a presença dos vencedores dos campeonatos da Terceira (Vilanovense), São Jorge (Desportivo Velense) e Graciosa (Graciosa FC). Já se realizaram quatro jornadas, liderando o Desportivo com 7 pontos, seguindo-se o Vilanovense com 4 e o Graciosa com 0 pontos (já não tem hipóteses de subida). Na próxima jornada o Graciosa recebe o Vilanovense, mas o jogo de todas as decisões será na sexta e última jornada quando o Vilanovense receber o Desportivo Velense.

Por fim...a AF Horta. É composto por cinco equipas (Fayal Sport, Feteira, Cedrense, Prainha e Lajense), com o Prainha a sagrar-se pela primeira vez na sua história campeão da AF Horta e assim vai-se estrear na Série Açores na próxima época. Tendo em conta os cinco plantéis que compõem este campeonato (que junta as equipas do Faial com o Pico), desde o início o Prainha foi sempre o principal candidato. É a única equipa que paga aos jogadores, tem quatro jogadores profissionais e até um deles (o guarda-redes Fábio Silva) no ano passado estava a jogar na Grécia, contando ainda com o empréstimo de alguns jogadores do Vitória do Pico (que este ano esteve na II Divisão). Apesar de serem claramente uns justos campeões, diga-se que em termos de qualidade de jogo o Prainha nunca mostrou uma superioridade tão evidente como a classificação possa indicar, no entanto foi um desfecho natural, isto numa altura que faltam apenas duas jornadas para o fim do campeonato, com o Cedrense a ficar pela segunda posição (esta equipa regressou ao futebol sénior após quatro anos de ausência), Fayal Sport no terceiro lugar, Feteira na quarta posição e o último mais uma vez coube ao Lajense, que tal como o Fayal Sport, são as únicas equipas que estão neste campeonato que já marcaram presença na Série Açores.

Falando do Fayal Sport, é a equipa da AF Horta com mais títulos conquistado e é de facto um histórico do futebol açoriano. Todos os anos entra para vencer o campeonato e lutar pela subida à III Divisão, no entanto esta época não foi possível devido a problemas directivos no início da temporada e o plantel foi formado à pressa e os melhores jogadores já estavam a caminho do Flamengos, que este ano participou na III Divisão, estando já consumado a descida e assim vai regressar ao futebol local.
Na próxima época é certo que o Fayal Sport vai fazer uma equipa competitiva e lutar para marcar presença pela sexta vez no seu historial na III Divisão.

Se antes o futebol açoriano centralizava-se em São Miguel, Terceira e Faial...agora podemos dizer que é São Miguel...Pico e Terceira. Com a subida do Prainha, o Pico coloca três equipas na Série Açores (além do Prainha, o Boavista de São Mateus e o Vitória), bem como o Madalena na II Divisão.


Offline otilious

  • Moderador
  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 52.887
  • Desde: Mar 2007
As distritais que acompanho mais é naturalmente as três açorianas (principalmente a AF Horta), no entanto também tento acompanhar com interesse o percurso feito pelo Pedras Rubras, Lixa, Progresso e Dragões Sandinenses (Divisão de Honra), Salgueiros 08 na 1ª Divisão, Maia Lidador e Marco 09 na 2ª Divisão (todos da AF Porto), Alverca e Lourinhanense na 1ª Divisão (AF Lisboa), União de Lamas na 1ª Divisão e Ovarense na 2ª Divisão da AF Aveiro, Campomaiorense e Estrela de Portalegre (AF Portalegre), Amora e Barreirense na 1ª Divisão da AF Setúbal e Vila Real na Divisão de Honra da AF Vila Real.

Offline Diogo Silva

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 21.951
  • Desde: Ago 2007
Eu costumo andar bem informado sobre o FC Foz, já passei por lá e tenho alguns conhecimentos. Do Salgueiros também sei alguma coisa porque alguns ex-colegas actuam lá...

Offline Devenish

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 12.396
  • Desde: Out 2006
Referente ao Distrital de Bragança vamos ter uma estreia absoluta na III Divisão, ou será promovido o Centro Cultural Desportivo Minas de Argozelo ou a Associação Desportiva e Cultural de Rebordelo ambos com campo relvado e lotação razoável para uma zona do País escassamente povoada.
Links aqui, basta clicar no nome dos dois citados.

http://www.zerozero.pt/edicao.php?id_edicao=10341

Offline Devenish

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 12.396
  • Desde: Out 2006
Podia citar aqui os \"destaques\", ou seja as novidades na III Divisão da próxima época, mas são muito poucas se houver a coisa está ainda indecisa em alguns lados. Daqui a duas semanas estará tudo terminado o que é ridículo porque nenhum destes Clubes tem jogadores para irem à África do Sul e fica-se sem futebol a maior parte de Maio, Junho, Julho e Agosto. A maior parte dos Distritais só começam em Setembro e alguns perto do fim desse mês, melhor seria interromperem em Dezembro e Janeiro as provas mas enfim é o País que temos no seu esplendor a qualquer nível.

Trivelas

  • Visitante
> otilious Comentou:

> Vila Real na Divisão de Honra da AF Vila Real.

________-


\"Lamento\" informar que não foram capazes de ganhar o campeonato apesar de terem \"roubado\" o treinador e metade da equipa do principal rival a meio da época!!!! lol


Belo tópico este!! :D

Offline Marmita

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 22.227
  • Desde: Jul 2006
Este otilious realmente é de se lhe tirar o chapeu !! Parabéns.

Offline otilious

  • Moderador
  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 52.887
  • Desde: Mar 2007
> Devenish Comentou:

Daqui a duas semanas estará tudo terminado o que é ridículo porque nenhum destes Clubes tem jogadores para irem à África do Sul e fica-se sem futebol a maior parte de Maio, Junho, Julho e Agosto. A maior parte dos Distritais só começam em Setembro e alguns perto do fim desse mês, melhor seria interromperem em Dezembro e Janeiro as provas mas enfim é o País que temos no seu esplendor a qualquer nível.


--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Caro Devenish percebo o teu comentário, mas a realidade é outra.

A mim custa-me ver terminar uma época. Custa, porque depois efectivamente são vários meses sem futebol e no meu caso mais de três meses sem ver um jogo no Estádio da Alagoa e ainda no passado domingo tive oportunidade de assistir ao Fayal Sport-Cedrense e mesmo durante o jogo já estava com saudades, uma vez que foi o último jogo em casa esta temporada, restando então mais um jogo (na Feteira).

Não concordo quando dizes que devia haver interrupção, porque assim uma equipa que encontra-se em bom plano poderá sofrer uma quebra por dois meses sem competição e após começar os treinos em Agosto (neste caso costuma ser no início do mês) não faz sentido 3/4 meses depois parar esse tempo todo. A duração eu não critico, uma vez que vai de Setembro a Maio (oito meses e pouco de competição) e neste caso estamos a falar de jogadores amadores, que jogam exclusivamente por prazer e depois de um dia atarefado no trabalho, ainda vão \"matar o bichinho\" seja com sol ou chuva, tempo ameno, frio ou ventoso.

Não é por acaso que durante a época vamos vendo entradas e saídas constantes dos jogadores, porque chega a uma altura em que o jogador farta-se e se for pouco utilizado...então aí deixa mesmo de aparecer. No caso do Fayal Sport...só esta época já tivémos inscritos quase 40 jogadores e ainda no último jogo só havia 2 jogadores do banco. E porquê esse número todo de inscritos? Porque durante a época alguns jogadores deixaram de aparecer e por isso teve-se que recrutar outros elementos.

Nos jogos ainda vá que não vá, o problema em 90% dessas equipas distritais (falando daquelas equipas que não pagam a jogadores) é a nível do treino e como não existe aquele compromisso financeiro, aparecem nos treinos quando apetece e depois chega ao último treino da semana aparece tudo para serem convocados para o jogo do fim de semana. É uma realidade triste, mas não condeno, porque aceitam jogar no clube sem receber qualquer cêntimo e por isso não pode existir qualquer tipo de pressão sobre o atleta nesse sentido.

Acredita que a época se fosse até Junho/Julho, muitas equipas iam ter dificuldade em arranjar onze jogadores para os jogos. Chega a esta altura a motivação já é quase nula e ainda hoje no Fayal Sport havia apenas 10 jogadores para o treino e ainda a semana passada houve um dia que foi cancelado o treino, em virtude de haver apenas quatro jogadores...

Mas isso são problemas que se espalham pelo país inteiro. No entanto é de louvar ainda termos milhares e milhares de jogadores 100% amadores.

O que algumas associações podiam fazer era colocar mais provas, de forma a que o campeonato não terminasse tão cedo.

Offline Devenish

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 12.396
  • Desde: Out 2006
> otilious Comentou:



O que algumas associações podiam fazer era colocar mais provas, de forma a que o campeonato não terminasse tão cedo.

--------------------------------------------------

Ora aqui está uma boa ideia, creio que algumas associações fazem disputar uma prova suplementar chamada Taça da Associação - sei disso porque em Bragança disputa-se essa prova, tomei conhecimento dela não por jornais nacionais mas sim por um jornal regional que apanhei num hotel. A exemplo das provas nacionais que têm uma prova por pontos o campeonato e uma, agora duas, a eliminar nas Associações distritais podia-se passar o mesmo.
Sobre não haver jogadores por vezes suficientes...depende do Distrito, aqui no Grande Porto todas as equipas que disputam a divisão de honra que dá acesso ao nacional são semi-profissionais ou quase por isso quanto menos jogos tiverem menos recebem.

Trivelas

  • Visitante
Otilious, embora perceba e até concorde com parte da tua argumentação, por aquilo que eu conheço são muitos os clubes que preferem épocas mais curtas por causa dos \"salários\" que pagam. Há cada vez mais clubes a gastarem autênticas \"fortunas\" nestes campeonatos ditos amadores.
Por isso é que tantos clubes vão fechando portas. Não aguentaram mais.

As associações de futebol têm até a preocupação de acertarem os calendários para evitar, por exemplo, acabar (ou começar) a época num mês em que não façam mais nenhum jogo. Por exemplo em Vila Real a temporada acaba já para a semana, assim os clubes evitam (ou vão tentar) gastar dinheiro com os ditos salários de Maio.

É verdade que ainda há muitos clubes não gastam \"nada\", mas aqueles que levam a competição mais a sério investem muito mais do que aquilo que podem. Esses nunca aceitariam mais competições.

Pelo menos até haver uma mudança nas mentalidades quanto à composição (e gastos) das equipas.

Offline Devenish

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 12.396
  • Desde: Out 2006
Fui agora conferir e já existem alguns campeões,

COIMBRA ----------------AD NOGUEIRENSE
ÉVORA--------------------ESTRELA FC VENDAS NOVAS
SANTARÉM--------------- CLUBE ATLÉTICO RIACHENSE
SETÚBAL------------------GRUPO DESPORTIVO SESIMBRA

No próximo fim de semana já deve haver mais, alguns precisam de 1 ponto apenas quando faltam 2 a 4 jornadas.

Trivelas

  • Visitante
> Devenish Comentou:

> Fui agora conferir e já existem alguns campeões,

COIMBRA ----------------AD NOGUEIRENSE
ÉVORA--------------------ESTRELA FC VENDAS NOVAS
SANTARÉM--------------- CLUBE ATLÉTICO RIACHENSE
SETÚBAL------------------GRUPO DESPORTIVO SESIMBRA

No próximo fim de semana já deve haver mais, alguns precisam de 1 ponto apenas quando faltam 2 a 4 jornadas.

___________-


VILA REAL-----------------MONDINENSE FUTEBOL CLUBE

Offline otilious

  • Moderador
  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 52.887
  • Desde: Mar 2007
> Trivelas Comentou:

> Otilious, embora perceba e até concorde com parte da tua argumentação, por aquilo que eu conheço são muitos os clubes que preferem épocas mais curtas por causa dos \"salários\" que pagam. Há cada vez mais clubes a gastarem autênticas \"fortunas\" nestes campeonatos ditos amadores.
Por isso é que tantos clubes vão fechando portas. Não aguentaram mais.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Não percebeste o que eu disse caro Trivelas.

O meu comentário foi com base no que disse o forista Devenish, na qual eu não concordo quando ele referiu que os campeonatos distritais deviam aguentar mais tempo e não estar praticamente sem quatro meses sem competir e referi que era uma situação impossível e apenas entrei nos clubes que não pagam salários aos seus jogadores. A questão que tu entras eu nem falei, porque naturalmente nem era necessário, uma vez que quanto mais cedo a época terminar, menos gastos vão ter e isto é mesmo assim.

Quando eu falo em mais provas é DENTRO da época competititiva e sem prejudicar o calendário previsto e os oito meses e pouco de competição mantém-se. Temos campeonatos já com muitas equipas e o campeonato ocupa o tempo todo da época. Nesses casos está perfeito, agora eu estou a falar nos campeonatos que tem poucas equipas e na qual muitas vezes o campeão é encontrado em Fevereiro e Março, onde depois faz-se uma Taça que não conta rigorosamente para nada. Não faz sentido...até porque o campeonato devia ser a última prova a terminar.

Vou dar mais um exemplo da AF Horta...o modelo competitivo é um torneio de abertura (não passam de meros jogos de pré-época), campeonato e taça. O problema é que ano passado, logo após o torneio de abertura fizeram o campeonato a quatro voltas, terminando o mesmo em Março e o campeão já estava definido em termos matemáticos em Fevereiro. Depois disso fizeram a Taça AF Horta (para apurar os representantes do Faial e Pico para a Taça Autonomia), terminando a temporada em finais de Abril. O que eu crítico nisto...é que não fez sentido fazer-se primeiro o campeonato e depois a taça.

Esta época rectificaram este erro, no entanto ainda não foi como se desejava. Houve o torneio de abertura (uma volta apenas) e depois campeonato e taça ao mesmo tempo, ou seja, praticamente numa semana era jogos de campeonato (quatro voltas) e na semana seguinte um jogo para Taça AF Horta (duas voltas). Esta mistura não faz igualmente sentido e até posso perfeitamente dar o exemplo do Fayal Sport...no campeonato as coisas não correram nada bem e na taça discutiram até ao seu último jogo o acesso à Taça Autonomia (não conseguindo apurar-se), mas estar semana a semana a lutar por duas provas diferentes e a viver momentos completamente opostos não fez qualquer sentido! Tem que haver um meio-termo e como eu disse...o ideal é...ou iniciar primeiro a taça e depois o campeonato...ou então fazer o campeonato e a meio da semana (de 15 em 15 dias ou algo do género) efectuar jogos para a outra competição. Mas face às dificuldades e com isto obrigar os clubes a gastar electricidade e tudo mais (caso houvesse jogos a meio da semana), o ideal é mesmo fazerem primeiro a taça (mesmo que fosse apenas uma volta) e depois o campeonato, que é sem dúvida a prova rainha de qualquer associação.

Já agora...esta Taça Autonomia é uma prova que vem substituir a Taça Açores e é uma prova disputada quando acaba a época nas três associações, sendo representada por uma equipa de São Miguel, Terceira, Graciosa, São Jorge, Faial e Pico, com o apuramento a ser feito de forma simples...quem vencer a Taça da sua ilha estará presente nesta prova.