Autor Tópico: Sérgio Conceição - Treinador  (Lida 969904 vezes)

Offline Zeus

  • Lugar Anual
  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 5.896
  • Desde: Ago 2015
Este argumento over and over again. Criticar Sérgio, não implica a sua substituição por outro treinador. Implica uma reflexão acerca das suas opções, para que estas melhorem jogo após jogo. Ou olhando para o jogo, achas que jogaram os melhores, nas melhores posições e que o rendimento da equipa e o futebol praticado são o melhor que conseguimos com o nosso plantel? Eu acho que não e acho que era possivel fazer melhor e com isto nao disse que o queria trocar pelo Peseiro.

As críticas por vezes passam do limite do razoável, chegamos ao ponto de dizer que com o Sérgio no Porto nem o James ou o Messi seriam titulares pois não fazem o estilo de jogo do Sergio, ou que o Oliver é ostracizado pelo treinador quando o mesmo tem jogado os jogos mais decisivos, isto já é bater por bater...

Edit: ah e quanto ao verem o Sérgio daqui para fora não sou eu que o digo já vi vários comentários a pedirem a saída do Sérgio e cheguei a ver um, talvez o mais ridículo de todos a dizer que quer que o Sérgio seja bi campeão e depois se vá embora, lol.
« Última modificação: 19/Mar/19, 17:19 por Zeus »

Offline Branco

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 16.871
  • Desde: Jul 2007
  • Membro do Mês Junho/18
Eu sou da opinião que a única razão pela qual esta época em principio não correrá tão bem ou melhor que a última se deve a lesões, os erros que SC cometeu esta época não foram mais que os cometeu na última, e em condições normais não são o suficiente para deixarmos de ser campeões.

E nem sequer refiro aqui eventuais lesões por excesso de utilização (Marega), refiro-me a casos como o Abou, nós temos dois bons PdL's embora nenhum seja excepcional, quando estão no seu melhor rendimento não são problema mas ambos costumam ter dificuldade em manter a forma durante toda uma época, a grande diferença entre esta e a última época foi o notável rendimento do Abou nos primeiros 6 meses em comparação com o rendimento mais oscilante do Soares nesta, e quando o Abou na última época caiu de rendimento já havia Soares, agora o brasileiro continua sozinho.

Podemos depois dizer que há um erro estratégico em não trazer um PdL em Janeiro, mas é aí que as outras lesões entram, a ideia parecia ser aguentar o ataque com o Marega e Soares, mas de repente até esses estão indisponiveis durante alguns jogos, e basicamente são esses jogos que vão fazer a diferença pontual entre esta e a última época.

Offline Ninelives

  • Superior
  • *
  • Mensagens: 90
  • Desde: Mai 2016
Existirem portistas a pedir que o SC saia mesmo que seja bi campeao é ridiculo!!! É o homem certo para o lugar... se conquistamos titulos recentes e ainda lutamos por mais deve-se a ele.

Mesmo que nao conquiste o bi continuo a querer que ele continue..

Isso nao invalida que se aprenda com os erros cometidos sobretudo na constituição da equipa. Acredito que ele queira premiar os jogadores que estiveram no jogo com a Roma mas há que perceber que nao ha jogos iguais, nem equipas iguais... nao se pode preparar o jogo da roma da mesma maneira que se prepara um jogo com o feirense ou com o maritimo em casa... há que saber distinguir as coisas e isso na minha opinião é que faz a diferença para os grandes treinadores... adaptam-se e evoluem conforne as circunstâncias...


Offline Zeus

  • Lugar Anual
  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 5.896
  • Desde: Ago 2015


Este é exactamente o sitio para se levantarem questões e se debaterem. Não percebo estes comentários e esta atitude. Era suposto virmos todos para aqui dizer "Yes, man" e não se colocar nenhuma questão que os adeptos possam achar pertinente e debater este assunto?

Andas desatento aquilo que se tem visto em vários tópicos mas principalmente neste não se trata de levantar questões nem de se debater trata-se apenas em bater por bater dizem-se coisas fora da realidade e deturpadas apenas para levar a sua opinião avante, no outro dia dizia-se que jogamos em 433 contra a Roma e por isso o Sérgio era burro porque devia jogar sempre em 433 mas vai se a ver o o Sérgio jogou em 442 tal como joga sempre, no outro dia lia tb que o Otávio era afilhado do Sérgio ou algo do género por jogar sempre na vez do Oliver e vai se a ver e o Otávio tem menos minutos que o Oliver, e andamos nisto... isto não é discutir, debater ou levantar questões é pura e simplesmente bater.
« Última modificação: 19/Mar/19, 14:36 por Zeus »

Offline tripeiro_de_gema

  • Tribuna
  • ****
  • Mensagens: 4.318
  • Desde: Mai 2014
Eu tenho sido bastante crítico a SC este ano, porque acho que nesta altura tanto SC e mesmo as dinâmicas com os nossos jogadores deviam ter demonstrado algum desenvolvimento em relação ao ano passado.
A teimosia em excesso de SC está prejudicar bastante a ele como ao NGC, atenção todos os treinadores são teimosos, porque têm as suas ideias, mas é preciso também ser flexível e saber adaptar-se à situação, e isto não ainda é o caso de SC, e acho que SC devia evoluir nestes aspectos e mudar o chip, se não arrisca-se a ficar parado tempo. No ano passado as teimosias tiveram mais prejuízos na Europa do que propriamente internamente, principalmente com a sua teimosia em Sá.

Com isto acho que SC deve ficar no NGC, mesmo que no final não seja campeão, mas espero ver algum desenvolvimento, porque senão será mais do mesmo e assim não iremos a lado nenhum.
« Última modificação: 19/Mar/19, 20:29 por tripeiro_de_gema »

Offline RuiDias

  • Bancada central
  • ***
  • Mensagens: 1.218
  • Desde: Abr 2013
Todos nós temos opiniões mais ou menos criticas quanto aos treinadores que passam pelo nosso clube, mesmo tendo em consideração, no meu caso, que não somos especialistas na matéria, mas o futebol é assim, de paixões.
Por outro lado também ouço e leio muita gente a falar de economia sem perceber patavina do assunto, é a vida.
Acho que criticas, principalmente construtivas, todos temos direito, por exemplo eu era um forte adepto do estilo de jogo do Vitor Pereira e critiquei-o muitas vezes. Por outro lado, não sou grande adepto do futebol de transições que temos tidos nos últimos anos mas elogiei muitas vezes o Sérgio Conceição.
O grande problema, na minha opinião, é o pessoal radicalizar a sua opinião em função daquilo que considera que é o mais correto e não ter a mente aberta para outras formas de agir dentro do futebol. Com isso não estou a dizer que essas pessoas são menos portista que eu mas, parece-me, deveriam deixar as suas opiniões mais radicais para alturas em que não estamos a lutar por competições importantes, como é o caso do Campeonato, da Taça e da Champion.
Acho mais acertado esperarmos pelo final e efetuarmos uma análise com elementos concretos e dizermos aquilo que realmente queremos para o futuro. Falta muito pouco para isso e neste momento temos de estar todos juntos em prol da equipa e do treinador.
É só uma opinião.

Offline Fernando Resende

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 9.278
  • Desde: Abr 2012
Eu sou da opinião que a única razão pela qual esta época em principio não correrá tão bem ou melhor que a última se deve a lesões, os erros que SC cometeu esta época não foram mais que os cometeu na última, e em condições normais não são o suficiente para deixarmos de ser campeões.

E nem sequer refiro aqui eventuais lesões por excesso de utilização (Marega), refiro-me a casos como o Abou, nós temos dois bons PdL's embora nenhum seja excepcional, quando estão no seu melhor rendimento não são problema mas ambos costumam ter dificuldade em manter a forma durante toda uma época, a grande diferença entre esta e a última época foi o notável rendimento do Abou nos primeiros 6 meses em comparação com o rendimento mais oscilante do Soares nesta, e quando o Abou na última época caiu de rendimento já havia Soares, agora o brasileiro continua sozinho.

Podemos depois dizer que há um erro estratégico em não trazer um PdL em Janeiro, mas é aí que as outras lesões entram, a ideia parecia ser aguentar o ataque com o Marega e Soares, mas de repente até esses estão indisponiveis durante alguns jogos, e basicamente são esses jogos que vão fazer a diferença pontual entre esta e a última época.

Pese embora as lesões (e a do Aboubakar pode ter sido importante), na minha opinião a razão principal para podermos vir a perder o campeonato depois de termos estado com 7 pontos de avanço (se isso acontecer) é a falta de um ponta de lança de categoria e com capacidade finalizadora acima do normal. Nos jogos em que estivemos com maiores dificuldades e perdemos 6 pontos (Sporting, Guimarães e Moreirense) o que nos faltou foi principalmente isso. Em qualquer um destes jogos criamos oportunidades mais do que suficientes para marcar e ganhar os jogos mas, em todos eles, falhamos redondamente na finalização.
Se tivéssemos um avançado com a capacidade de finalização de um Jonas (dando um exemplo de um jogador adversário) já éramos quase campeões neste momento! Tenho a certeza que com um avançado com essa capacidade para finalizar não teríamos empatado esses 3 jogos fora seguidos!

A verdade é que em épocas passadas nos fomos habituando a Gomes, Kostadinov, Domingos, Yuran, Jardel, Benny, Derlei, Lisandro, Falcao, Jackson....
Isso a certo ponto deixou de acontecer e, nesta época em questão, tivemos o ataque entregue a Marega, Soares, André Pereira, Adrian e Fernando Andrade. Por muita qualidade que tenham estes jogadores (e alguns têm em determinados aspectos) a capacidade de finalização fica a anos luz do que por cá passou!

Offline COTADRAGÃO

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 7.703
  • Desde: Nov 2006
O que acho que é Realista, é exigir as diversas equipa do FCP (Futebol, Andebol, Basquetebol e Hoquei) que sejam verdadeiramente COMPETITIVAS.

Discutam as provas até ao fim (ou perto de isso) e assim sendo certamente que Nao venceremos todas as provas mas acabaremos por ser PREMIADOS e o Clube agarrará o caminho do crescimento, desejavel.

O FCP no momento presente é COMPETITIVO nas principais modalidades , isto é de Realçar sobretudo porque vivemos um periodo de Aperto Financeiro ( é só olhar para o passivo...) e temos um contexto no país, bem mais dificil que a concorrencia.

E no que toca ao  Futebol, a base do Plantel de hoje, é muito semelhante, a base do plantel de há 20 meses atras, quando SC iniciou a sua actividade no FCP ,  sendo importante lembrar que nessa altura, para alem do pessimismo reinante,  para muitos, nem o terceiro lugar era garantido pois o Braga estava forte.


De qualquer modo, aconselho os portistas a verem o Programa de ontem no PORTOCANAL , o "Azul e BraNCO" que assinalou os 60 anos do famoso Caso "Calabote, o Torriense/FCP e o Benfica/Cuf" e que nos diz muito das dificuldades que o FCP enfrenta.

E conhecer melhor a historia do Clube e o contexto do mesmo , só ajuda, a perceber melhor as dificuldades .

Coloco aqui as recentes declaraçoes de Vitor Baía , mas poderia por as de outros ex jogadores (como Deco, Jorge Costa etc) e até treinadores:

https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/porto/noticias/interior/conceicao-recuperou-jogadores-em-quem-quase-ja-ninguem-acreditava-10716654.html




« Última modificação: 23/Mar/19, 16:48 por COTADRAGÃO »

Offline Sky

  • Bancada central
  • ***
  • Mensagens: 2.028
  • Desde: Jul 2013
O que acho que é Realista, é exigir as diversas equipa do FCP (Futebol, Andebol, Basquetebol e Hoquei) que sejam verdadeiramente COMPETITIVAS.

Discutam as provas até ao fim (ou perto de isso) e assim sendo certamente que Nao venceremos todas as provas mas acabaremos por ser PREMIADOS e o Clube agarrará o caminho do crescimento, desejavel.

O FCP no momento presente é COMPETITIVO nas principais modalidades , isto é de Realçar sobretudo porque vivemos um periodo de Aperto Financeiro ( é só olhar para o passivo...) e temos um contexto no país, bem mais dificil que a concorrencia.

E no que toca ao  Futebol, a base do Plantel de hoje, é muito semelhante, a base do plantel de há 20 meses atras, quando SC iniciou a sua actividade no FCP ,  sendo importante lembrar que nessa altura, para alem do pessimismo reinante,  para muitos, nem o terceiro lugar era garantido pois o Braga estava forte.


De qualquer modo, aconselho os portistas a verem o Programa de ontem no PORTOCANAL , o "Azul e BraNCO" que assinalou os 60 anos do famoso Caso "Calabote, o Torriense/FCP e o Benfica/Cuf" e que nos diz muito das dificuldades que o FCP enfrenta.

E conhecer melhor a historia do Clube e o contexto do mesmo , só ajuda, a perceber melhor as dificuldades .

Coloco aqui as recentes declaraçoes de Vitor Baía , mas poderia por as de outros ex jogadores (como Deco, Jorge Costa etc) e até treinadores:

https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/porto/noticias/interior/conceicao-recuperou-jogadores-em-quem-quase-ja-ninguem-acreditava-10716654.html
Obrigado pela recomendação. A mala e as instruções de Valdivieso, bem como a substituição do guarda-redes da CUF a pedido dos próprios colegas, eram desconhecidas para mim.

Offline COTADRAGÃO

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 7.703
  • Desde: Nov 2006

As declaraçoes dos jogadores (daquela altura) do Torriense a até o do benfica, tonaram o programa ainda mais interessante....

Offline RuiDias

  • Bancada central
  • ***
  • Mensagens: 1.218
  • Desde: Abr 2013
Continuo a achar que vamos ser campeões na ultima jornada. Isso é que era.


Offline joaoalvercafcp

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 21.523
  • Desde: Mar 2012
https://www.fcporto.pt/pt

"O NOSSO DIA A DIA É DE MUITA EXIGÊNCIA E DE MUITA PAIXÃO"

Sérgio Conceição foi distinguido como Treinador do Ano pelo jornal "O Gaiense"
Sérgio Conceição foi distinguido, esta terça-feira, pelo jornal “O Gaiense” como o Treinador do Ano, na 16.ª Gala “O Melhor Treinador”, realizada no Hotel Holiday Inn, em Vila Nova de Gaia.

O técnico do FC Porto, que renovou recentemente até 2021, recebeu o prémio na sequência do trabalho desenvolvido no clube portista. Os Dragões conquistaram a Liga portuguesa em 2017/18 e a Supertaça portuguesa no início da presente temporada.

Uma pequena parte de um todo
“Quero agradecer à minha equipa técnica, que me tem acompanhado desde o início. Nós somos apenas 10 por cento do iceberg visível à superfície. Atrás de nós estão pessoas muito competentes, muito profissionais e com muita qualidade, que compõem a estrutura do FC Porto e que nos ajudaram no nosso sucesso do ano passado e naquilo que temos ambicionado para este ano.”

Saber gerir
“No estrangeiro perguntam: ‘como é possível um jornal regional como é ‘O Gaiense’ fazer uma festa de tamanha envergadura e com esta qualidade?’ Estou convencido que os mexicanos vão enviar alguém para controlar a forma como organizam este tipo de eventos, que é fantástica.”

Exigência e paixão
“Não me sinto bem nestas situações, sou um treinador de campo. O nosso dia a dia é de muita exigência, muito trabalho, muito rigor e de muita paixão. Vi aqui hoje pessoas que têm muitos sonhos por conquistar. É preciso acreditar, trabalhar para isso e pensar todos os dias que podemos ser melhores amanhã do que fomos hoje”.

Offline Azul

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 13.322
  • Desde: Dez 2013

Offline joaoalvercafcp

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 21.523
  • Desde: Mar 2012
https://www.fcporto.pt/pt

"ESTAMOS PREPARADOS PARA O QUE AÍ VEM"

Sérgio Conceição falou sobre o Sporting de Braga-FC Porto, da 27.ª jornada da Liga NOS (sábado, 15h30)
O campeonato está de regresso e a 27.ª jornada reserva um duelo entre Sporting de Braga e FC Porto, terceiro e segundo classificados, respetivamente, separados por cinco pontos. Na antevisão da partida que se disputa este sábado (15h30, Sport TV), no Estádio Municipal de Braga, Sérgio Conceição reconheceu que, nesta altura, “há menos espaço para errar”. À entrada para esta ronda, os campeões nacionais somam os mesmos 63 pontos que o Benfica, mas os lisboetas têm vantagem no confronto direto.

Ingredientes reunidos para um bom espetáculo
“Vai ser um bom jogo de futebol, entre duas boas equipas que estão a lutar pelo mesmo objetivo. O jogo no Dragão, na primeira volta, foi um dos melhores do campeonato. Acredito que estão reunidos os ingredientes para um bom espetáculo de futebol e espero que o FC Porto seja melhor e que consiga conquistar os três pontos, que são muito importantes na nossa caminhada. Há menos espaço para errar e estamos conscientes disso. Com o aproximar do fim do campeonato, os jogos ganham um peso diferente.”

Deslocação difícil
“É normal e natural que as pessoas pensem que este é um dos jogos mais difíceis que temos até ao final da época, mas todos os jogos têm a sua vida, a sua história, e somos nós, FC Porto, que temos de definir o rumo desses jogos. Individualmente temos muita qualidade e somos muito fortes coletivamente, mas também temos de olhar para a capacidade do adversário e para as suas dinâmicas. Preparámos vários cenários em termos daquilo que é a nossa dinâmica e somos nós que temos de levar o jogo para onde queremos.”

Um Sporting de Braga a lutar pelo título
“A oito jornadas do fim, o Sporting de Braga tem hipóteses matemáticas de ser campeão e com certeza vai querer ganhar este jogo. Espero um Sporting de Braga forte, com excelentes individualidades. Na minha opinião, tem um dos melhores plantéis dos últimos anos.”

Pausa para os compromissos internacionais
“Não gosto muito destas semanas, mas compreendo. O FC Porto é um clube de grandíssima dimensão e normalmente dá muitos jogadores às seleções, mas isso dificulta o nosso trabalho. O grupo fica limitado e tentamos sempre integrar jogadores dos Sub-19 ou da equipa B. A atitude dos jogadores é fantástica, mas quer queiramos quer não, não é a mesma coisa trabalhar com o grupo completo ou sem nove internacionais. Estamos preparados para o que aí vem. Vamos ter dois meses com uma densidade competitiva acima da média, mas estamos cá para dar uma resposta de acordo com essa exigência.”

Corona
“Ele está melhor, está bem e próximo daquilo que queremos. O importante é perceber o que o Departamento Médico nos vai dizer, e o Departamento Médico do FC Porto tem uma grande credibilidade e é um dos melhores do Mundo. A resposta do jogador também é importante e, quando as duas coisas são positivas, é opção para o jogo. A partir daí, decidimos se joga, se vai para o banco ou para a bancada.”

A renovação de Casillas
“É um jogador muito experiente, que tem um peso enorme no balneário. Representa muito para o FC Porto e para o futebol.”

Éder Militão no Real Madrid
“Depois de a transferência ter sido oficializada, falei com o jogador. Se já jogou depois disso, é porque senti que estava envolvido e comprometido. Se não estivesse, não jogava. O importante é o momento e aquilo que os jogadores fazem nos treinos.”

A recuperação de Aboubakar
“Acredito que ainda pode dar o seu contributo à equipa. Por aquilo que vi nestas duas semanas, que foram importantes para elevar os índices físicos dele, acho que ainda podemos ter o Aboubakar num ou noutro jogo esta época.”

A componente psicológica na fase decisiva da época
“A componente psicológica tem sempre a sua importância, mas se estivermos bem em termos táticos e estratégicos, é meio caminhado andado. Quando compreendemos aquilo que estamos a fazer e que estamos a trabalhar no sentido correto, isso é bom. A base de tudo é o treino e a forma como os jogadores trabalham, com rigor, disciplina e exigência. Estamos em igualdade pontual com um rival na luta pelo título, temos boas perspetivas de estar na final da Taça de Portugal e estamos nos quartos de final da Liga dos Campeões. Não há razão para não estarmos bem, mas a nossa maior motivação é vestir esta camisola e representar este clube histórico.”