Autor Tópico: Liga 12ª J.: Imortal-FC Porto 70-84  (Lida 2164 vezes)

Offline Pombal

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 12.276
  • Desde: Abr 2010
  • Membro do Mês Setembro/16
O Soares não é um jogador para fazer a diferença na estatistica, é um jogador que tráz muito mais ao jogo do que os numeros mostram.

Ontem esteve mal, mas ainda à 1 ou 2 jogos, marcou perto de 20 pontos. O que está a faltar é um meio termo.

Offline Tripeiro Nortenho

  • Superior
  • *
  • Mensagens: 6
  • Desde: Jul 2017
Ontem esteve mal em ataque.
Ontem esteve monstruoso na defesa, é um jogador para fazer a diferença a defender.
A irregularidade ofensiva é um dado que sempre esteve lá.
Os números que o Celta dá são esclarecedores que não está a fazer uma má época em ataque.
Se ainda dizem que tem problemas físicos!
Não é pela posição 3 que teremos problemas, ainda por mais estamos bem servidos no banco, Sheehey pode fazer a posição e os dois miúdos, Vlad e Araújo são garantias para alguns minutos.

Offline Pedrix77

  • Tribuna
  • ****
  • Mensagens: 3.679
  • Desde: Out 2016


Offline joaoalvercafcp

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 21.060
  • Desde: Mar 2012
https://www.fcporto.pt/pt

SEXTO TRIUNFO CONSECUTIVO PARA FECHAR O ANO

FC Porto bateu o Imortal por 84-70, em encontro referente à 12.ª jornada da Liga Portuguesa de Basquetebol
O FC Porto deslocou-se ao Pavilhão Desportivo de Albufeira e venceu o Imortal por 84-70. Os Dragões terminam o ano civil com mais um triunfo, elevando para seis o número de jogos consecutivos a vencer.

O bom momento que o FC Porto trazia dos últimos encontros balanceou a equipa azul e branca para uma entrada convincente na partida, mas o nível exibicional não se manteve no segundo período. O Imortal, empurrado por Quentin Snider, respondeu da melhor forma, beneficiando do jogo menos assertivo dos Dragões, o que permitiu aos visitados chegar ao intervalo com uma vantagem de dois pontos.

O terceiro período mostrou-se mais equilibrado, ainda que o acerto não tenha sido o desejado por qualquer uma das equipas. Moncho López pediu aos seus jogadores para pausarem o ritmo de jogo, o que propiciou aos Dragões uma melhor execução das suas ações no quarto e derradeiro período. O FC Porto distanciou-se no marcador e selou o triunfo.

Will Sheehey, com 23 pontos e oito ressaltos, e Boris Barac, com 15 pontos e dez ressaltos, ajudaram a equipa azul e branca a manter o melhor momento da temporada, que fechou o ano com a sexta vitória consecutiva.

FICHA DE JOGO

IMORTAL-FC PORTO, 70-84
Liga Portuguesa de Basquetebol, 1.ª fase, 12.ª jornada
29 de dezembro de 2018
Pavilhão Desportivo de Albufeira
Árbitros: Sérgio Silva, Samira Barrima e Pedro Rodrigues

IMORTAL: Quentin Snider (20), António Moreira (11), Stefan Djukic (10), Orion Outerbridge (5) e Shane Rosa (12)
Suplentes: Marlon Johnson Jr (10)., Hélder Soares, André Calabote, Rafael Wildner (2), Sérgio Correia, Alexander Forster e Diogo Soares
Treinador: Luís Modesto

FC PORTO:  Toni Prostran (10), Ferran Ventura (9), João Soares (4), Boris Barac (15) e Miguel Queiroz (2)
Suplentes: Vladyslav Voytso, Pedro Pinto (6), António Monteiro (2), Pedro Bastos, Will Sheehey (23), Diogo Araújo e Sasa Borovnjak (13)
Treinador: Moncho López

Ao intervalo: 40-38
Parciais: 20-27, 20-11, 17-21, 13-25

Offline PO

  • Bancada central
  • ***
  • Mensagens: 1.096
  • Desde: Nov 2013
Quanto à possibilidade de trocar algum dos jogadores, acho que as palavras do Moncho no final do jogo sugerem que o plantel se vai manter até ao fim da época.

Quanto ao jogo em si, gostei da forma como entramos, mas a partir de certo momento todos os nossos ataques era na procura do lançamento de três pontos e uma percentagem de acerto bastante baixa, com o Imortal com muito melhor acerto. Quando o Imortal deixou de acertar, abrimos a vantagem e ganhamos o jogo.

Não era um jogo fácil e foi bastante mais difícil do que o que o resultado final parece mostrar.

Offline joaoalvercafcp

  • Tribuna Presidencial
  • *****
  • Mensagens: 21.060
  • Desde: Mar 2012