Marega

Marega 11

Marega

0.00

Estatísticas da Época - 2021/22


Dados completos de 2021/22

0.00 Performance da Época
Jogos
0
Golos
0
Assistências
0
Amarelos
0
Vermelhos
0

Johann

Bancada central
2 Outubro 2012
1,675
0
Calabote disse:
Eu não diria o racismo eu diria que qualquer discriminação que se baseie numa suposta superioridade ou inferioridade de uma pessoa ou sociedade , devido as suas crenças ou caracteristicas, é hediondo (seja cor da pele, religião, preferência sexual o que for).

Eu nem gosto de usar a palavra racismo: é discriminação, ponto, tal como é discriminar um homossexual, uma pessoa com algum tipo de incapacidade, ou alguém que tenha outra religião.
Ele só fala no racismo porque é homofóbico. Chamar macaco ao Marega é desumanizá-lo mas chamar bichona ao assessor da Joacine já está tudo ok.
 
J

Jorge Pacino

Guest
Calabote disse:
A questão é: se um estádio cheio te chamar macaco, sentes te bem?
Pq que a pergunta é dirigida para mim? Tenho familiares pretos e uma ligação umbilical a uma ex colónia portuguesa. Não que isso seja relevante mas já agora respondo à pergunta já que foi feita diretamente...no meu caso em concreto, independentemente de eu ser branco, amarelo, preto, cor de rosa, mestiço, cabrito, eu não me sentia ofendido porque sei de que lado está a estupidez e não me surpreendia a ignorância das pessoas. Mas não somos todos iguais e quem se sente ofendido tem toda a legitimidade para o sentir.

Rui TSM disse:
sim, faria. apesar de isso ser algo impossível de acontecer pois arbitro actuaria.
e È importante realçar que ha coisas mais importantes na vida. o problema do racismo não é quando afecta jogadores milionários da bola. o problema é muito mais complexo. Conheço quem não se ache racista mas tem casa para alugar.. só não quer que seja alugada por pretos ou brasileiros.


Fernando Resende disse:
Faria...
A dignidade humana tem mais valor do que um jogo.
Se o Hulk estivesse a ser humilhado dessa forma e saísse do campo claro que faria bem.
Neste caso então estamos em desacordo. O Hulk poderia reagir conforme entendesse, mas estaria a prejudicar a entidade patronal.

Posto isto, compreendo perfeitamente a atitude do Marega, é igualmente evidente que quem vai aos estádios imitar sons de macaco deve ser punido, e com a sua saída deu mais visibilidade ao caso(logo fez bem) mas se o Porto tivesse perdido o jogo e ficasse prejudicado com a sua saída (o que felizmente não aconteceu) era uma atitude que não me agradava.

O racismo é péssimo, a banalização do racismo idem, mas não cabe ao clube ou ao jogador pôr a causa do racismo acima dos seus resultados. Já sem falar nos accionistas, colegas de equipa, etc que iam ser prejudicados e iam perder milhões porque um jogador abandonou o campo a meio do jogo (beneficiando quem o insultou) e estragou toda a estratégia da equipa. E agora dizem me "o dinheiro está acima da dignidade humana?"...claro que não está, trata-se de um dogma. Se está então quero ver o clube a oferecer 50 milhões a uma associação contra o racismo ou a gastar dinheiro e tempo nesta luta. E sabem pq não o faz? Porque não cabe ao clube essa luta. Como entidade pública tem de agir corretamente perante estes casos, mas NUNCA colocar a causa do racismo acima dos seus resultados desportivos. Porque é um clube desportivo!

Outro ponto é que o clube não pode ser prejudicado mas o jogador também não tem de levar com aquilo. Certo...mas o jogador é preparado para estas situações. Depois da posição que o Marega com bravura tomou, não pode voltar a repetir como é evidente. Caso aconteça no próximo jogo também deve sair? A questão que me incomoda é esta. Por vocês se vos dissessem que o Marega vai sair em todos os jogos aos 60 minutos para dizer não ao racismo vocês aceitavam.
E acredito que o Marega não faria aquilo se o Porto não estivesse a ganhar e não tivesse feito um golo.

Felizmente correu bem e saímos todos a ganhar. Serviu como tomada de posição e teve a visibilidade pretendida.

E isto é a minha perspectiva enquanto adepto do FC Porto que sentiu que a equipa podia ir abaixo com a sua saída naquele momento. Claro que quem não liga nada a futebol nem sequer vai pôr esta questão. Mais a frio entendi perfeitamente a sua posição mas ainda me custa a entender muita da hipocrisia social e do aproveitamento política de um extremo ao outro do espectro político português.
 

Grutz

Bancada central
26 Dezembro 2017
2,022
2,988
Conquistas
4
  • Deco
  • Lucho González
  • Jorge Costa
  • Hulk
Jorge Pacino disse:
Pq que a pergunta é dirigida para mim? Tenho familiares pretos e uma ligação umbilical a uma ex colónia portuguesa. Não que isso seja relevante mas já agora respondo à pergunta já que foi feita diretamente...no meu caso em concreto, independentemente de eu ser branco, amarelo, preto, cor de rosa, mestiço, cabrito, eu não me sentia ofendido porque sei de que lado está a estupidez e não me surpreendia a ignorância das pessoas. Mas não somos todos iguais e quem se sente ofendido tem toda a legitimidade para o sentir.



Neste caso então estamos em desacordo. O Hulk poderia reagir conforme entendesse, mas estaria a prejudicar a entidade patronal.

Posto isto, compreendo perfeitamente a atitude do Marega, é igualmente evidente que quem vai aos estádios imitar sons de macaco deve ser punido, e com a sua saída deu mais visibilidade ao caso(logo fez bem) mas se o Porto tivesse perdido o jogo e ficasse prejudicado com a sua saída (o que felizmente não aconteceu) era uma atitude que não me agradava.

O racismo é péssimo, a banalização do racismo idem, mas não cabe ao clube ou ao jogador pôr a causa do racismo acima dos seus resultados. Já sem falar nos accionistas, colegas de equipa, etc que iam ser prejudicados e iam perder milhões porque um jogador abandonou o campo a meio do jogo (beneficiando quem o insultou) e estragou toda a estratégia da equipa. E agora dizem me "o dinheiro está acima da dignidade humana?"...claro que não está, trata-se de um dogma. Se está então quero ver o clube a oferecer 50 milhões a uma associação contra o racismo ou a gastar dinheiro e tempo nesta luta. E sabem pq não o faz? Porque não cabe ao clube essa luta. Como entidade pública tem de agir corretamente perante estes casos, mas NUNCA colocar a causa do racismo acima dos seus resultados desportivos. Porque é um clube desportivo!

Outro ponto é que o clube não pode ser prejudicado mas o jogador também não tem de levar com aquilo. Certo...mas o jogador é preparado para estas situações. Depois da posição que o Marega com bravura tomou, não pode voltar a repetir como é evidente. Caso aconteça no próximo jogo também deve sair? A questão que me incomoda é esta. Por vocês se vos dissessem que o Marega vai sair em todos os jogos aos 60 minutos para dizer não ao racismo vocês aceitavam.
E acredito que o Marega não faria aquilo se o Porto não estivesse a ganhar e não tivesse feito um golo.

Felizmente correu bem e saímos todos a ganhar. Serviu como tomada de posição e teve a visibilidade pretendida.

E isto é a minha perspectiva enquanto adepto do FC Porto que sentiu que a equipa podia ir abaixo com a sua saída naquele momento. Claro que quem não liga nada a futebol nem sequer vai pôr esta questão. Mais a frio entendi perfeitamente a sua posição mas ainda me custa a entender muita da hipocrisia social e do aproveitamento política de um extremo ao outro do espectro político português.
Essa da entidade patronal vale um caralho, meu caro. Desde quando é que a dignidade humana está abaixo do respeito por entidades ou o que seja? Haja mais noção, por amor da santa
 

Di Charis

Tribuna Presidencial
23 Abril 2012
6,780
2,375
Porto4Life disse:
O Jorge imitou um macaco, razão pela qual depois levou uma cabeçada no túnel. Enquadro porque conseguiu afectar o jogador, era esse o objectivo dele. Não estou a dizer que tenha feito bem, mas fez porque sabia que podia influenciar o rendimento do adversário. Não foi com o intuito de menosprezar o que quer que seja nem um ataque racial per se. Mas não vou continuar a debater isto, o jogador é um herói, correu bem o jogo, mas queria ver se com 0-0 e com as substituições gastas se alguns mantinham a opinião. Quanto aos paladinos da verdade e os sjw, existem coisas muito mais preocupantes a acontecer no mundo que não tem a cobertura mediática que isto está a ter, simplesmente porque não se enquadra nas agendas políticas que ganham votos e simpatias neste mundo do políticamente correcto, onde se fecha os olhos às mortes diárias em catadupa em determinados países só por serem a norma... Ou pelos regimes radicais que exterminam quem não tem a mesma ideologia plotico-religiosa. O importante é um jogador que foi apupado em campo pelo adversário.
Engraçado, nunca ninguém disse que o Jorge Costa imitou um macaco, nem quem realmente lá esteve no túnel, no jogo, no balneário, etc - com quem falei pessoalmente sobre o assunto - qual é a tua fonte fidedigna para insinuares tal coisa?.

O Jorge Costa partiu o dedo ao Weah quando o pisou e marcou-o duro, o Weah não gostou.

Agora faxavor de me dizer onde foste buscar essa dele ter imitado um Macaco.

Já agora, o Jorge Costa é o padrinho dos filhos do Aloisio.

Fico à espera do teu esclarecimento.

 
J

Jorge Pacino

Guest
Grutz disse:
Essa da entidade patronal vale um caralho, meu caro. Desde quando é que a dignidade humana está abaixo do respeito por entidades ou o que seja? Haja mais noção, por amor da santa
Vamos lá começar a moderar o tom da escrita que não estás na creche. Sei bem que estás em maioria e mudas de postura consoante estejas a favor ou não, mas também não é isso que estamos aqui a discutir e cada um tira as suas ilações sobre a tua forma de estar.

E agradeço que não venhas com falácias e muito menos deturpes o que disse.
 

EmilioSantero

Bancada lateral
22 Março 2019
562
215
Porto4Life disse:
O Jorge imitou um macaco, razão pela qual depois levou uma cabeçada no túnel. Enquadro porque conseguiu afectar o jogador, era esse o objectivo dele. Não estou a dizer que tenha feito bem, mas fez porque sabia que podia influenciar o rendimento do adversário. Não foi com o intuito de menosprezar o que quer que seja nem um ataque racial per se. Mas não vou continuar a debater isto, o jogador é um herói, correu bem o jogo, mas queria ver se com 0-0 e com as substituições gastas se alguns mantinham a opinião. Quanto aos paladinos da verdade e os sjw, existem coisas muito mais preocupantes a acontecer no mundo que não tem a cobertura mediática que isto está a ter, simplesmente porque não se enquadra nas agendas políticas que ganham votos e simpatias neste mundo do políticamente correcto, onde se fecha os olhos às mortes diárias em catadupa em determinados países só por serem a norma... Ou pelos regimes radicais que exterminam quem não tem a mesma ideologia plotico-religiosa. O importante é um jogador que foi apupado em campo pelo adversário.
Quem está a politizar o "caso" Marega para seu proveito não é concerteza ninguém daqui com quem estás a ter esta conversa.
Parece-me que estás tu a politizar o "caso" Marega para te atirares aos tais defensores do politicamente correcto.
Queres assim tanto que a hierarquia esteja acima dos valores humanos, e por tal chamar mau profissional ao Marega? Ou tem ele de ser budista e estar acima da ofensa e ser melhor que quem ofende? Seja lá como for, estás sempre e só a "entalar" o Marega.
Se este assunto não tem grande valor mediático, tu que só gostas de falar quando há necessidade, pra que vieste então dar aqui a tua opinião, só porque era politicamente incorrecta?
É que se estás mais preocupado com "quem fecha os olhos às mortes diárias em catadupa em determinados países só por serem a norma... Ou pelos regimes radicais que exterminam quem não tem a mesma ideologia politico-religiosa", vai lá ser defensor dum teu politicamente-correcto que se enquadre nesses temas lá para os lados onde tudo isso se discuta. Este é o tópico do Marega.

Qualquer maltrapilho na política capitaliza qualquer situação que lhe dê jeito para se posicionar mediaticamente para ganhar uns votos. Se não gostas deles vota nulo. Se bem que acho que deves ser mais de votar em Branco.
 

MiguelDeco

Tribuna Presidencial
2 Setembro 2013
26,544
8,667
Conquistas
10
  • Alfredo Quintana
Não basta o insulto ao nosso jogador e temos malta a insultar a nossa história. Isto está cada vez melhor, sem dúvida. E ainda por cima baseado no diz que disse, no ouvi dizer, em mitos urbanos, numa tia que me contou..

Se ninguém mete mão nisto isto vai acabar por descambar..
 

Porto4Life

Bancada lateral
3 Agosto 2015
901
42
Di Charis disse:
Engraçado, nunca ninguém disse que o Jorge Costa imitou um macaco, nem quem realmente lá esteve no túnel, no jogo, no balneário, etc - com quem falei pessoalmente sobre o assunto - qual é a tua fonte fidedigna para insinuares tal coisa?.

O Jorge Costa partiu o dedo ao Weah quando o pisou e marcou-o duro, o Weah não gostou.

Agora faxavor de me dizer onde foste buscar essa dele ter imitado um Macaco.

Já agora, o Jorge Costa é o padrinho dos filhos do Aloisio.

Fico à espera do teu esclarecimento.
O Jorge não partiu dedo nenhum, pisou o dedo que tinha um anel cortando-o. Ainda esta semana falamos sobre isso numa tertúlia, supostamente o Weah foi provocado o jogo todo, no fim do jogo, já no tunel o Weah foi pedir justificações e o supostamente o Jorge imitou um babuíno enquanto ele falava. Se é lenda urbana, se é uma deturpação do que aconteceu à 24 anos, talvez, mas não fui o único a recordar esse incidente. Mais uma vez, como disse anteriormente, o Jorge não é racista, no entanto isso não impede de ter tido uma atitude menos própria. Atire a primeira pedra quem nunca teve atitudes que se arrepende. Não o condeno por isso, alias era uma altura diferente do futebol, provocar fazia parte, as coisas resolviam-se imediatamente após os jogos.

Tens aqui com que te entreter:
http://www.rsssf.com/rssbest/racism.html
http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/football/africa/1194989.stm
 

Absolution

Tribuna
2 Julho 2018
3,169
5,965
Embora o caso do Hulk seja parecido não é igual ao do Marega.
Nem as circunstâncias são as mesmas.

O Hulk teve direito a meia dúzia de burros a urrar que rapidamente foram calados pelo seu portento pontapé.
Estavamos no início do jogo e ainda muita coisa poderia acontecer.
A partir daí, não houve registos de mais incidentes do género e se houveram não fizeram mossa pois nunca foram mais nenhuma vez audíveis.

O Marega, tal como o Hulk, também começou por ter apenas meia dúzia de simios a fazer barulho.
No entanto, com o decorrer do jogo, tal como um vírus contagioso, os urros foram passando de simio para simio e quando se deu o golo mais de metade do estádio estava infectado.

Eu sei que não é justo generalizar até porque havia muito boa gente que ficou imune à estupidez que reinou no Afonso Henriques. Mas dizer que foi uma pequena facção é falso e injusto para o Marega.

Exceptuando os SD, contavam-se pelos dedos aqueles que não imitavam os seus primos por parte da mãe.
E não falo de assobios ou o clássico filho da puta. Não. Falo de insultos racistas e a célebre imitação de macaco que acho que era bem audível pois vinham de todos os cantos do estádio.

Situações diferentes, campos diferentes.
Embora sejam ambas lamentáveis, acho que não podem nem devem ser tidas em comparação.
 

EmilioSantero

Bancada lateral
22 Março 2019
562
215
Jorge Pacino disse:
"o dinheiro está acima da dignidade humana?"...claro que não está, trata-se de um dogma. Se está então quero ver o clube a oferecer 50 milhões a uma associação contra o racismo ou a gastar dinheiro e tempo nesta luta.E sabem pq não o faz? Porque não cabe ao clube essa luta. Como entidade pública tem de agir corretamente perante estes casos, mas NUNCA colocar a causa do racismo acima dos seus resultados desportivos. Porque é um clube desportivo!
O que se faz com 50 milhões para acabar com o racismo? Lobotomias? O dinheiro não é tudo. Nem é de dinheiro que se trata.
Acho que o Marega e todos os demais que se sintam visados pela situação agradecem que tantos clubes e personalidades de outros quadrantes que não só a SOS Racismo tenham "gasto" o seu tempo a pôr mais uma mão nesta luta.
 

Porto4Life

Bancada lateral
3 Agosto 2015
901
42
fonte disse:
fds que específico...
Podia ter dito macaco, era mesmo para não usar a palavra em voga novamente, desculpe.
So far the allegations are these

1) Weah was subject to continued racial abuse including "monkey" impressions
  by Costa.
2) Weah headbutted Costa.
Retirado de um conjunto de arquivos de 1996 relativos ao caso, postados anteriormente.
 

EmilioSantero

Bancada lateral
22 Março 2019
562
215
Porto4Life disse:
O Jorge não partiu dedo nenhum, pisou o dedo que tinha um anel cortando-o. Ainda esta semana falamos sobre isso numa tertúlia, supostamente o Weah foi provocado o jogo todo, no fim do jogo, já no tunel o Weah foi pedir justificações e o supostamente o Jorge imitou um babuíno enquanto ele falava. Se é lenda urbana, se é uma deturpação do que aconteceu à 24 anos, talvez, mas não fui o único a recordar esse incidente. Mais uma vez, como disse anteriormente, o Jorge não é racista, no entanto isso não impede de ter tido uma atitude menos própria. Atire a primeira pedra quem nunca teve atitudes que se arrepende. Não o condeno por isso, alias era uma altura diferente do futebol, provocar fazia parte, as coisas resolviam-se imediatamente após os jogos.

Tens aqui com que te entreter:
http://www.rsssf.com/rssbest/racism.html
http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/football/africa/1194989.stm
Há mais com que se entreterem. O Bicho não aceitou as desculpas do Weah pela cabeçada, e ainda menos pelo facto de o ter acusado de racismo, facto que nem os colegas de equipa no AC Milan puderam comprovar, daí não ter havido castigo na UEFA para ele. Isto escrito em informações biográficas do Weah, não deve ter sido um sjw do lado do Bicho a escrever esse blog com factos da vida do Weah. Ainda o pôs em tribunal pelas duas questões, agressão e difamação.

Entretenimento aqui:
1 - https://lifebogger.com/george-weah-childhood-story-plus-untold-biography-facts/
2 - https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/fc-porto/detalhe/julgamento-do-processo-jorge-costaweah-adiado-novamente
 
J

Jorge Pacino

Guest
EmilioSantero disse:
O que se faz com 50 milhões para acabar com o racismo? Lobotomias? O dinheiro não é tudo. Nem é de dinheiro que se trata.
Acho que o Marega e todos os demais que se sintam visados pela situação agradecem que tantos clubes e personalidades de outros quadrantes que não só a SOS Racismo tenham "gasto" o seu tempo a pôr mais uma mão nesta luta.
Sem dúvida. Não discuto isso. O que se faz com 50 milhões? Muita coisa, mesmo que não seja diretamente. Mas já esperava essa pergunta, daí ter acrescentado "tempo".
 

Mary Antas

Bancada central
20 Abril 2018
1,388
502
Porto4Life disse:
O Jorge não partiu dedo nenhum, pisou o dedo que tinha um anel cortando-o. Ainda esta semana falamos sobre isso numa tertúlia, supostamente o Weah foi provocado o jogo todo, no fim do jogo, já no tunel o Weah foi pedir justificações e o supostamente o Jorge imitou um babuíno enquanto ele falava. Se é lenda urbana, se é uma deturpação do que aconteceu à 24 anos, talvez, mas não fui o único a recordar esse incidente. Mais uma vez, como disse anteriormente, o Jorge não é racista, no entanto isso não impede de ter tido uma atitude menos própria. Atire a primeira pedra quem nunca teve atitudes que se arrepende. Não o condeno por isso, alias era uma altura diferente do futebol, provocar fazia parte, as coisas resolviam-se imediatamente após os jogos.

Tens aqui com que te entreter:
http://www.rsssf.com/rssbest/racism.html
http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/football/africa/1194989.stm
Então se não sabes não passes a mensagem como se fosse verdadeira.
 

Di Charis

Tribuna Presidencial
23 Abril 2012
6,780
2,375
Porto4Life disse:
O Jorge não partiu dedo nenhum, pisou o dedo que tinha um anel cortando-o. Ainda esta semana falamos sobre isso numa tertúlia, supostamente o Weah foi provocado o jogo todo, no fim do jogo, já no tunel o Weah foi pedir justificações e o supostamente o Jorge imitou um babuíno enquanto ele falava. Se é lenda urbana, se é uma deturpação do que aconteceu à 24 anos, talvez, mas não fui o único a recordar esse incidente. Mais uma vez, como disse anteriormente, o Jorge não é racista, no entanto isso não impede de ter tido uma atitude menos própria. Atire a primeira pedra quem nunca teve atitudes que se arrepende. Não o condeno por isso, alias era uma altura diferente do futebol, provocar fazia parte, as coisas resolviam-se imediatamente após os jogos.

Tens aqui com que te entreter:
http://www.rsssf.com/rssbest/racism.html
http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/football/africa/1194989.stm
Pronto, não partiu, pisou e o Weah agarrou-se ao dedo, cortou em vez de partir.

"Se é lenda urbana, se é uma deturpação do que aconteceu à 24 anos, talvez,", pois, dizes isso agora, mas deste como facto na mensagem anterior, fica a insinuação e a mancha na reputação, tipo capa do Correio da manhã.

para tu te entreteres, dos links que enviaste:

"He (weah) apologised to Costa, who refused to accept the apology, saying that the charges of racist insults levelled against him were defamatory."

Portanto, se o Jorge Costa tivesse feito o que deste por factual e o Weah o acusou, achas que o Weah voltava atrás?, achas que o Jorge Costa teria a postura que teve?, é que para mim, achando que o Jorge Costa estava longe de ser um santo, que era capaz de de chamar o Weah de muita coisa e dar "um toquinho" ou outro durante o jogo para provocar, parece-me que o Weah foi puxar o racismo onde não havia, vitimizando-se com isso - quando racismo não era chamado para a questão.

Se te quiseres entreter, tens aqui isto:

https://www.youtube.com/watch?v=xZfC6qU8pyU

Ele menciona o assunto durante a entrevista.
 

MiguelDeco

Tribuna Presidencial
2 Setembro 2013
26,544
8,667
Conquistas
10
  • Alfredo Quintana
Di Charis disse:
Pronto, não partiu, pisou e o Weah agarrou-se ao dedo, cortou em vez de partir.

"Se é lenda urbana, se é uma deturpação do que aconteceu à 24 anos, talvez,", pois, dizes isso agora, mas deste como facto na mensagem anterior, fica a insinuação e a mancha na reputação, tipo capa do Correio da manhã.

para tu te entreteres, dos links que enviaste:

"He (weah) apologised to Costa, who refused to accept the apology, saying that the charges of racist insults levelled against him were defamatory."

Portanto, se o Jorge Costa tivesse feito o que deste por factual e o Weah o acusou, achas que o Weah voltava atrás?, achas que o Jorge Costa teria a postura que teve?, é que para mim, achando que o Jorge Costa estava longe de ser um santo, que era capaz de de chamar o Weah de muita coisa e dar "um toquinho" ou outro durante o jogo para provocar, parece-me que o Weah foi puxar o racismo onde não havia, vitimizando-se com isso - quando racismo não era chamado para a questão.

Se te quiseres entreter, tens aqui isto:

https://www.youtube.com/watch?v=xZfC6qU8pyU

Ele menciona o assunto durante a entrevista.
Ele que avance para o minuto 49.10 e que aproveite e que peça desculpa também.
 

Dagerman

Bancada central
1 Abril 2015
1,938
227
Porto4Life disse:
Opinião pouco popular: Eu vi um mau profissional a reagir a factores externos. Um atleta que podia ter prejudicado o clube numa altura crucial do campeonato. A histeria colectiva quanto ao racismo não surpreende, existe uma agenda politica no que toca a estes casos, tudo é aproveitado. Se o Marega tivesse feito aquilo que devia, não estávamos a falar disto hoje. Daqui a pouco um simples "filho da ****" dentro de um estádio irá ser classificado como um crime. Não desculpabilizo o que se passou, nem duma nem da outra parte. Este tema é sensível para quem tem medo de tratar as coisas como elas são: o racismo é unilateral. Interpretem isto como quiserem. 
Não és o único, infelizmente, a não perceber o que está aqui em causa. Deixa-me tentar explicar.
Se os adeptos do Guiimarães tivessem chamado fdp ou paneleiro ao Marega isso seria um insulto pessoal, mas não seria racismo.
Da mesma forma, se um ladrão branco assaltar um negro ou um negro assaltar um branco, estão a praticar um crime, mas não estão necessariamente a ser racistas, porque em princípio ao ladrão só lhe interessa o dinheiro, e tanto lhe dá que a vítima seja branca, preta ou amarela.
Igualmente, quando um polícia é agredido por negros na Cova da Moura, como o idiota do ventura gosta de sublinhar, os agressores estão a cometer um crime, mas não estão a ser necessariamente racistas, porque não estão a bater nos polícias por eles serem brancos, mas por serem polícias (que no seu entender representam o poder opressivo e blá-blá-blá). Só haveria racismo se, além das agressões aos polícias, houvesse pelo meio insultos racistas por parte dos agressores negros.

Portanto, o caso Marega não tem nada que ver com os insultos ao Figo em camp nou, nem com os insultos aos árbitros em qualquer campo, nem com os cânticos ofensivos que a nossa claque (a meu ver estupidamente) dedica ao slm. É um crime de natureza diferente, e que é reconhecido como tal pela lei portuguesa.

Espero ter sido claro. Não precisas de agradecer.