Covid-19

mack

Tribuna
9 Março 2012
2,676
901
Estou à um bocado a ouvir a famosa reunião Infarmed. Resumidamente é um grupo de pessoas que lá vão despejar estatísticas e gráficos, ninguém acrescenta nada de nada.


Pormenor delicioso, chamam a nova variante de " reino unido " , mas ao virus não lhe chamam virus chinês porquê?

Aqui não se discute coisa nenhuma, cada um faz um gráfico e interpreta-o como bem entendem. O confinamento estás decidido isto é só um tapa olhos.
 
Última edição:

arkeru

Bancada central
13 Dezembro 2013
1,308
361
Estou à um bocado a ouvir a famosa reunião Infarmed. Resumidamente é um grupo de pessoas que lá vão despejar estatísticas e gráficos, ninguém acrescenta nada de nada.


Pormenor delicioso, chamam a nova variante de " reino unido " , mas ao virus não lhe chamam virus chinês porquê?

Aqui não se discute coisa nenhuma, cada um faz um gráfico e interpreta-o como bem entendem. O confinamento estás decidido isto é só um tapa olhos.
Só pode ser ironia isto. Ou então não estás a perceber nada do que estás a ver!

Os dados só estão a confirmar a urgência do confinamento. Mesmo a nível de fecho de escolas. Como expliquei há uns dias, as crianças não são agentes intransmissíveis.

Outra questão, é que este aumento de casos está, obviamente, a ser alimentado também pela nova variante. A variante já está em expansão acelerada na população.
 
  • Like
Reações: Oliveira

mack

Tribuna
9 Março 2012
2,676
901
Só pode ser ironia isto. Ou então não estás a perceber nada do que estás a ver!

Os dados só estão a confirmar a urgência do confinamento. Mesmo a nível de fecho de escolas. Como expliquei há uns dias, as crianças não são agentes intransmissíveis.

Outra questão, é que este aumento de casos está, obviamente, a ser alimentado também pela nova variante. A variante já está em expansão acelerada na população.
Estou a ver sim, e percebo bem português, neste momento fala a primeira pessoa que mostra o gráfico e faz definitivamente uma leitura do mesmo ( primeiro grafismo a ser mostrado enquanto se faz a interpretação )., alguem que faz uma projeção real e não um débito de dados.

Vi também dizerem que os números actuais são resultados de testagem " voluntária ", o que aconteceria se testassemos um país inteiro?!?!?

Só vejo condicionamento às pessoas, o governo já fez o devido reforço e valorização dos hospitais e recursos humanos? Ou a compra dos ventiladores era só jajão?
 
Última edição:
  • Like
Reações: Dragao_man

arkeru

Bancada central
13 Dezembro 2013
1,308
361
Estou a ver sim, e percebo bem português, neste momento fala a primeira pessoa que mostra o gráfico e faz definitivamente uma leitura do mesmo ( primeiro grafismo a ser mostrado enquanto se faz a interpretação )., alguem que faz uma projeção real e não um débito de dados.
Então é porque não percebeste mesmo o que estás a ver. Todas as outras apresentações foram bem elucidativas e apresentaram dados bastante relevantes que apontam para a urgência e importância do confinamento.

A apresentação do João Paulo Gomes mostrou que a nova variante já está em expansão rápida na população, e isto é bastante relevante, tendo em conta o aumento de transmissibilidade intrínseco à variante. E isto aponta para um cenário bastante preocupante nas próximas semanas, a nível de internamentos e mortes.
 

arkeru

Bancada central
13 Dezembro 2013
1,308
361
Existem falsos positivos?
Este caso é muito estranho. O que normalmente acontece é um primeiro teste ser inconclusivo, e um segundo ser positivo (grande maioria das vezes). Um primeiro teste inconclusivo e um segundo negativo já acontece com menos frequência.

Agora, um primeiro teste declaradamente positivo, e um segundo negativo (num espaço de 24h)... Muito estranho. Ou alguém fez asneira.
 
  • Like
Reações: Sakamoto

mack

Tribuna
9 Março 2012
2,676
901
Então é porque não percebeste mesmo o que estás a ver. Todas as outras apresentações foram bem elucidativas e apresentaram dados bastante relevantes que apontam para a urgência e importância do confinamento.

A apresentação do João Paulo Gomes mostrou que a nova variante já está em expansão rápida na população, e isto é bastante relevante, tendo em conta o aumento de transmissibilidade intrínseco à variante. E isto aponta para um cenário bastante preocupante nas próximas semanas, a nível de internamentos e mortes.
Qual é a relação directa entre o abrandamento do confinamento no Natal e o aumento de número de casos ( excluindo a maior transmissibilidade da nova estirpe do virus, o aumento de testagem " voluntária" e o próprio clima) ?

Que garantias temos que um novo confinamento contribui directamente e será o maior responsavel para o abrandamento de novos casos?
 
Última edição:

PO

Tribuna Presidencial
24 Novembro 2013
5,350
2,068
Só pode ser ironia isto. Ou então não estás a perceber nada do que estás a ver!

Os dados só estão a confirmar a urgência do confinamento. Mesmo a nível de fecho de escolas. Como expliquei há uns dias, as crianças não são agentes intransmissíveis.

Outra questão, é que este aumento de casos está, obviamente, a ser alimentado também pela nova variante. A variante já está em expansão acelerada na população.
Desculpa mas não estamos a ver a mesma reunião. Já foi demonstrado que não são as escolas as propagadoras do vírus. Que as pessoas entre os 20-29 anos que estão nas universidades, têm taxas de transmissão mais baixas do que aqueles que não estão e até que as medidas de recolher obrigatório após as 13h ao fim de semana são mais eficazes que o confinamento geral na redução do crescimento do vírus.

Uma palavra para o alarmista dos 14.000 casos, que faz a sua análise até dia 8 de janeiro e tem no próprio gráfico os dados de 9 a 11 de janeiro a desmentir toda a análise.
 
  • Like
Reações: mack

Ruben1893

Ninguém fala em perder, ninguém recua
24 Julho 2019
11,788
22,084
Conquistas
7
  • Reinaldo Teles
Previsão de 14 mil casos e 140 mortos/dia

Este povo nas reuniões gosta de meter medo 🙃
 

mack

Tribuna
9 Março 2012
2,676
901
Desculpa mas não estamos a ver a mesma reunião. Já foi demonstrado que não são as escolas as propagadoras do vírus. Que as pessoas entre os 20-29 anos que estão nas universidades, têm taxas de transmissão mais baixas do que aqueles que não estão e até que as medidas de recolher obrigatório após as 13h ao fim de semana são mais eficazes que o confinamento geral na redução do crescimento do vírus.

Uma palavra para o alarmista dos 14.000 casos, que faz a sua análise até dia 8 de janeiro e tem no próprio gráfico os dados de 9 a 11 de janeiro a desmentir toda a análise.
Fazer previsões escolhendo os piores dados possíveis só pode dar em Apocalipse.
 
  • Like
Reações: Dragao_man

Gelsenkirchen

Tribuna Presidencial
8 Junho 2016
7,222
3,637
Conquistas
4
38
Lisboa
  • Campeão Nacional 19/20
  • Deco
  • Lucho González
  • Madjer
Explicações bastante claras e que permitem que decidam qual o caminho a tomar.

É inevitável o confinamento, e na minha opinião(que não sou especialista) as escolas pelo menos para os mais velhos devia passar a não presencial.

A boa notícia é a possibilidade de receber perto de 2 milhões de doses da vacina astrazeneca até final de Março se a mesma for aprovada no final deste mês.

60% das pessoas que estiveram em grupos de 10 ou mais pessoas admitiram que não usaram máscara... Assim não há milagres
 
  • Like
Reações: arkeru e Dragon_92