Giulio Cocco

joaoalvercafcp

Tribuna Presidencial
13 Março 2012
21,522
1
http://www.fcporto.pt/pt/Pages/fc-porto.aspx

GUILIO COCCO: "NÃO VEJO A HORA DE COMEÇAR"
Avançado italiano é reforço do FC Porto Fidelidade para 2018/19 e apresenta-se aos adeptos portistas


Giulio Cocco: tomem nota deste nome, porque ele vai dar que falar. É avançado, internacional italiano, jogava no Amatori Lodi e chegará ao Dragão Caixa como reforço do FC Porto para 2018/19, com um contrato válido para as próximas três temporadas. Tem 21 anos, mas em Itália já não o veem como uma promessa. Veem-no como uma certeza. Confessa que não vê a hora de cá chegar e de poder justificar a aposta, com golos e com títulos. Cocco diz que vem para ganhar tudo o que houver para ganhar, porque sabe que vem para “um clube de campeões”.

Alberto Orlandi. Lembram-se dele? É o único hoquista italiano que, até agora, teve a honra de vestir a camisola do FC Porto e é ele que nos apresenta o seu sucessor: “O Giulio é o único jogador da Serie A do momento que, pela qualidade técnica, é capaz de enfrentar este desafio, ele é o rosto do presente e do futuro do hóquei italiano. O treinador Guillem Cabestany conhece-o muito bem, pelo que será uma grande vantagem para ele”, defende o antigo número oito dos portistas, que ajudou à conquista dos dois primeiros campeonatos do histórico e inédito “deca”.

Cocco define-se como “ um jogador que está permanentemente à procura de ser melhor, que nunca está satisfeito consigo próprio”, que pode jogar “em qualquer zona da pista” e que tem na técnica e na patinagem as suas melhores qualidades. Cocco é parco nas palavras, a imprensa italiana não lhe poupa nos elogios, fala em golos que são “verdadeiras obras de arte”, “alguns nos limites do impossível”, só ao alcance dos melhores. Formado no Valdagno, transferiu-se em 2014/15 para o Breganze, então treinado por Guillem Cabestany. Duas épocas bastaram para revelar todo o seu potencial e para receber o convite do Lodi, um dos clubes mais fortes e com maior tradição do hóquei transalpino. Foi aí que explodiu definitivamente, tornando-se uma das principais figuras da conquista do scudetto dos due colori ao fim de 36 anos – marcou 32 golos em 38 jogos.

Em Itália dizem que o avançado estava há muito tempo debaixo de olho de vários clubes europeus de nomeada. O FC Porto não perdeu tempo, antecipou-se e o telefone de Cocco tocou: “Fiquei muito feliz ao receber o convite de um clube de grandes campeões, que joga sempre para ganhar. Deu-me uma motivação enorme e, dentro de mim, já tinha o desejo de aceitar a proposta. Para chegar a este nível, treino com vontade e paixão desde a infância, por isso senti, naquele momento, que todos os sacrifícios que fiz valeram a pena”, conta.

A decisão não demorou muito a ser tomada, até porque teve, desde o primeiro instante, o apoio da família, o seu “fã incondicional número um”, sobretudo a irmã, Marta, com quem sempre teve “um relacionamento especial”. O irmão mais velho, Mattia, hoquista tal como ele, que alinha no Breganze, também o incentivou a aceitar o convite: “Disse-me para aceitar imediatamente a proposta, porque será uma grande oportunidade para mim, tanto a nível desportivo como pessoal - mudar de país e aprender uma nova língua será muito bom. Não vejo a hora de começar a trabalhar no FC Porto”.

A transferência assume contornos de especial importância para todo o hóquei italiano, que olha para o campeonato português como o mais forte da atualidade: “Como dizem aqui, em Itália, é a NBA do hóquei, disputada pelas melhores equipa e pelos melhores jogadores e que tem um nível de qualidade que não pode ser comparável com o da Serie A”, afirma o avançado, que mostra saber para o que vem quando desafiado a projetar a primeira aventura no estrangeiro da prometedora carreira: “Quando vais para um clube como o FC Porto só podes ir com a ambição de ganhar tudo, porque vais encontrar jogadores que já ganharam muito e que sabem como ganhar. Adquirir essa mentalidade será uma mais-valia para mim, por isso penso que vou para o clube certo.”

Cocco fala com conhecimento de causa, até porque já teve a oportunidade de conhecer o Dragão Caixa. Foi a 6 de fevereiro de 2016, quando o Breganze, a equipa que o avançado na altura representava, jogou a última jornada da fase de grupos da Liga Europeia, e perdeu por uns categóricos 13-4. O avançado marcou um dos golos, mas na memória ficou a grandeza daquele momento: “Foi lindo jogar num pavilhão tão importante onde jogam e jogaram grandes jogadores. Lembro-me dos adeptos a gritar em cada golo do FC Porto, do ambiente incrível que existe no pavilhão e lembro-me também de ter pensado como seria bonito vestir a camisola deste clube tão grande. Três anos depois, o sonho tornou-se realidade”.

Trabalho da autoria de João Queiroz, publicado na edição n.º 376 da "Dragões", a revista oficial do FC Porto, que pode subscrever aqui. Pode aceder à versão digital da revista no computador, no tablet e no smartphone.
 

joaoalvercafcp

Tribuna Presidencial
13 Março 2012
21,522
1
https://www.fcporto.pt/pt

"ESTOU FELIZ POR TER MARCADO O PRIMEIRO GOLO PELO FC PORTO"

Giulio Cocco estreou-se no Campeonato Nacional frente à AD Oeiras
Giulio Cocco marcou no passado sábado o primeiro golo oficial com a camisola do FC Porto Fidelidade. O jovem italiano estreou-se no Campeonato Nacional de hóquei em patins frente à AD Oeiras e contribuiu para a vitória por 7-1 no Dragão Caixa.

O jogador de 22 anos, reforço da equipa portista para a temporada 2018/19, recriou o golo marcado no sábado e manifestou a sua satisfação pelo primeiro festejo de dragão ao peito.
 

ixnay

Tribuna
22 Julho 2006
3,851
266
otilious disse:
Normal ainda não ter "explodido", mas temos aqui um jogador para muitos anos.

É um craque!
Por acaso até tem estado acima das expectativas que tinha! É um jogador novo, mudou para um campeonato mais competitivo, mas tem jogado bastante e tem marcados golos.

Sem dúvida nenhuma que terá um papel de destaque no FC Porto durante os próximos anos!
 

killermartins

Tribuna Presidencial
23 Abril 2012
10,034
2,877
Para mim tem estado bem até agora, 4 golos no campeonato e 5 na Liga Europeia são bons números para um jogador jovem que veio de um campeonato inferior..

Já o vimos nos LD a fazer o que sabe e tem mostrado uma confiança que mete a que o antecessor tinha, Alvarinho, no bolso das moedas..

Bater-se com o que para mim é o melhor avançado do hóquei, o Gonçalo e com o Rafa que tem estado muito mais consistente e é um fantasista de categoria, não é fácil, mas se quiser é um grande ambiente para chegar ao topo como se espera..
 

jardel

Tribuna Presidencial
10 Outubro 2012
13,501
1
killermartins disse:
Para mim tem estado bem até agora, 4 golos no campeonato e 5 na Liga Europeia são bons números para um jogador jovem que veio de um campeonato inferior..

Já o vimos nos LD a fazer o que sabe e tem mostrado uma confiança que mete a que o antecessor tinha, Alvarinho, no bolso das moedas..

Bater-se com o que para mim é o melhor avançado do hóquei, o Gonçalo e com o Rafa que tem estado muito mais consistente e é um fantasista de categoria, não é fácil, mas se quiser é um grande ambiente para chegar ao topo como se espera..
O Gonçalo é o melhor avançado em PT. No Hoquei global o Alvarez não tem rival.
 

killermartins

Tribuna Presidencial
23 Abril 2012
10,034
2,877
jardel disse:
O Gonçalo é o melhor avançado em PT. No Hoquei global o Alvarez não tem rival.
Digamos que aceito e tecnicamente posso concordar, mas prefiro o Gonçalo, tem um remate dos mais potentes neste momento, em penalties é o topo e tecnicamente também acho que deixou de arriscar tanto, fruto de ter maturado a parte defensiva, é mais responsável..

Mas claro são opiniões, o Marín está de fora e o Nicolia desde que se converteu completamente ao dark side, passou de avançado que custava a engolir a qualidade, para maior besta da modalidade..

Tendo em conta a idade dos outros, o Gonçalo também vai ter muito tempo para reinar :D
 

Celta7

Tribuna Presidencial
9 Março 2012
5,575
818
Está a ter a adaptação que esperava. É um jogador muito acima da média mas não é fácil chegar ao Porto e ter moral para pegar na bola e tentar decidir, principalmente quando se tem ao lado jogadores como o Hélder, Gonçalo, Reinaldo e Rafa que são tão bons como ele. Com o tempo vai ganhar confiança e moral para ser um pouco mais individualista.
 

otilious

Moderator
21 Março 2007
62,183
5,916
Conquistas
7
Horta
  • Alfredo Quintana
  • Campeão Nacional 19/20
  • Taça de Portugal 19/20
  • Supertaça 19/20
Celta7 disse:
Está a ter a adaptação que esperava. É um jogador muito acima da média mas não é fácil chegar ao Porto e ter moral para pegar na bola e tentar decidir, principalmente quando se tem ao lado jogadores como o Hélder, Gonçalo, Reinaldo e Rafa que são tão bons como ele. Com o tempo vai ganhar confiança e moral para ser um pouco mais individualista.
Óbvio e concordo contigo, a médio/longo prazo será uma das boas referências desta equipa.
 

Pombal

Tribuna Presidencial
3 Abril 2010
16,463
4,442
Conquistas
1
  • Setembro/16
Eu por acaso acho que o Cocco tem de dar mais.

Cocco é o jogador mais cotado do banco, e é jogador do nivel do Reinaldo e Rafa. Não basta marcar umas bolas paradas, e andar a circular a bola, tem de assumir mais o jogo.

Mas sendo jovem, e estrangeiro, a adaptação está a ser gradual e natural. Mas na análise do desempenho/valia, é dos que está mais atrasado.
 

otilious

Moderator
21 Março 2007
62,183
5,916
Conquistas
7
Horta
  • Alfredo Quintana
  • Campeão Nacional 19/20
  • Taça de Portugal 19/20
  • Supertaça 19/20
Exacto, é perfeitamente normal e não tenho a menor dúvida que irá explodir, mesmo tem potencial para tal.

Se será a breve, médio ou longo prazo...
 

bluevertigo

Tribuna Presidencial
26 Maio 2014
7,468
1,574
Conquistas
1
Lisboa
  • Fevereiro/20
Adaptação dentro do esperado. Não contava com muito mais rápida.
Espero crescimento metendo maior agressividade no encarar e no pegar e assumir.
 

joaoalvercafcp

Tribuna Presidencial
13 Março 2012
21,522
1
https://www.fcporto.pt/pt

GIULIO COCCO MOSTRA DOTES NA COZINHA: "SOU FELIZ NO PORTO"

Jovem italiano vai regressar a Lodi para a 4.ª jornada da Liga Europeia
O FC Porto Fidelidade joga este sábado (20h00, Porto Canal) em Itália para a 4ª jornada da Liga Europeia. O jogo frente ao Lodi será especial para Giulio Cocco, que regressa a um local onde foi feliz, contribuindo para a conquista de dois campeonatos transalpinos.

Antes de viajar para Itália, Giulio Cocco recebeu em casa o Porto Canal e alguns colegas de equipa. O jovem cozinhou para Hélder Nunes, Gonçalo Alves e Poka, garantindo que se já se sente perfeitamente adaptado ao Porto.

“É um sonho estar aqui e a ambientação está feita. Estou cá há cinco meses e está tudo a correr bem, fora e dentro da pista. Sou feliz no Porto, gosto da cidade”, salientou o avançado de 22 anos, num esforço assinalável para falar português: “O regresso a Itália será especial, porque tive muitos momentos felizes ali, como a conquista de dois scudettos. Tenho muitos amigos ali.”

https://www.youtube.com/watch?v=k04QCRiO3PA
 

Celta7

Tribuna Presidencial
9 Março 2012
5,575
818
Fala melhor Português do que muitos Portugueses.

É um craque. Vai ser muito importante na segunda volta.